Joaçaba Pneus
VARIEDADES

Preso após acusações de abuso sexual, R. Kelly dá autógrafos após deixar prisão

26 Fev 2019 - 17h37

O cantor R. Kelly deixou a prisão de Chicago na última segunda-feira, 25, e foi surpreendido por fãs quando fez uma parada em um McDonald's da região. No local, ele deu autógrafos e acenou para um fã que gritou "te amo".

Na última sexta-feira, 22, o vencedor do Grammy foi acusado de abusar sexualmente de ao menos três meninas menores de 17 anos, além de outra mulher maior de idade em 1998. Por conta das acusações, R. Kelly passou o fim de semana preso em Chicago, mas foi liberado ao pagar 100 mil dólares (mais de R$ 375 mil), equivalente a 10% da fiança estipulada pelo juiz.

Em um julgamento prévio, R. Kelly alegou ser inocente e agora aguarda o prosseguimento do caso em liberdade. Se for declarado culpado, ele pode pegar de três a sete anos de prisão por cada acusação.

As denúncias contra R. Kelly atingiram reconhecimento do público após o lançamento de Surviving R. Kelly, documentário produzido pela BBC e que traz relatos de um suposto "culto sexual" organizado pelo cantor. (Com informações da AP)

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Em abril, indústria de SC gerou 4,6 mil novas vagas de emprego

Saúde

Guaramirim fará vacinação da covid nesta sexta-feira em idosos acima de 60 anos

Serão atendidos os idosos pré-cadastrados do número 3511 até o 3751
Guaramirim fará vacinação da covid nesta sexta-feira em idosos acima de 60 anos
Saúde

Em dois dias, Jaraguá registra nove mortes por covid-19 

Ao todo, já são 272 óbitos pela doença no município.
Em dois dias, Jaraguá registra nove mortes por covid-19 
Geral

32ª edição Schützenfest é adiada para 2022

De acordo com o presidente da CCO, Alcides Pavanello, a decisão se deve às incertezas quanto aos prazos de imunização contra a covid-19 de toda a população
32ª edição Schützenfest é adiada para 2022
Ver mais de Variedades