Segurança

Vendaval causa estragos em cidades do Oeste catarinense

Uma idosa morreu em Chapecó após uma árvore cair e atingir uma residência

30 Jun 2020 - 15h19Por Da Redação
Vento derrubou árvores na rodovia SC-283, em Concórdia - Crédito: Polícia Militar Rodoviária / PMRvVento derrubou árvores na rodovia SC-283, em Concórdia - Crédito: Polícia Militar Rodoviária / PMRv

Os fortes ventos que atingiram a região Oeste do Estado provocaram estragos em várias cidades nesta terça-feira (30). As rajadas chegaram a passar dos 100 km/h. Conforme a Defesa Civil, casas foram destelhadas e árvores caíram. 

Em Chapecó o vendaval atingiu 108 km/h e derrubou árvores e placas em vários bairros. A queda de uma árvore em cima de uma casa matou uma idosa de 78 anos. 
Em Xanxerê o vento chegou a 90 km/h e destelhou um dos pavilhões da Festa Estadual do Milho. A Defesa Civil local registrou danos também nos bairros Veneza e Pinheiro, onde moradores receberam a doação de lonas.

Outros casos de destelhamentos foram registrados nas cidades de Descanso, Ibicaré, Santa Helena, São Domingos e Jaborá. Em Concórdia, segundo Polícia Militar Rodoviária (PMRv), a queda de árvores bloqueou parcialmente o trânsito na rodovia SC-283.

E, em Herval d’Oeste, uma casa foi atingida por uma árvore. Já em Joaçaba, parte do cajado do Monumento Frei Bruno com os fortes ventos.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região?CLIQUE AQUIe receba diretono seu WhatsApp! 

Matérias Relacionadas

Jaraguá do Sul

Continuam os trabalhos de recuperação da Defesa Civil

Na manhã desta sexta-feira (3) a equipe operacional saiu para atender as demandas que oferecem risco às pessoas
Continuam os trabalhos de recuperação da Defesa Civil
Santa Catarina

Ciclone em SC: Fenômeno provoca ocorrências em 101 municípios de Santa Catarina

O mesmo documento informa que o Estado tem nove mortes confirmadas e outras duas pessoas desaparecidas por conta do evento climático
Ciclone em SC: Fenômeno provoca ocorrências em 101 municípios de Santa Catarina
Santa Catarina

Cerca de 1,3 mil funcionários da Celesc trabalham para restabelecer energia no estado

O trabalho envolve, principalmente, a retirada de material pesado que caiu sobre a rede e pode levar de dois a três dias em determinadas localidades
Cerca de 1,3 mil funcionários da Celesc trabalham para restabelecer energia no estado
Jaraguá do Sul

Confira imagens dos estragos causado pelo vendaval em Jaraguá do Sul

Confira imagens dos estragos causado pelo vendaval em Jaraguá do Sul
Ver mais de Segurança