Segurança

Pais de bebê morto por asfixia em Santa Catarina são indiciados por tortura e maus-tratos

Segundo a Polícia Civil, o pai, 24, teria asfixiado a criança enquanto a mãe teria omitido o crime.

10 Jun 2021 - 20h54Por Gabriel Junior

Durante a tarde desta quinta-feira, 10, a Polícia Civil concluiu o inquérito policial que apurou a morte de um bebê de um ano que foi encontrado morto por asfixia em Siderópolis, no Sul de Santa Catarina.

Segundo a Polícia Civil, o pai, 24, teria asfixiado a criança enquanto a mãe teria omitido o crime. O pai foi indiciado por feminicídio, tortura, maus tratos, ameaça, dano ao patrimônio público e desacato. Já a mãe, além de omissão de socorro, vai responder por tortura e maus tratos.

Ainda na investigação, os policiais apuraram que o casal privava os outros dois filhos de alimentação básica. A mãe então foi indiciada pela prática de maus-tratos, já que colocava as duas crianças em perigo pela presença do marido.

O inquérito policial foi concluído após a Polícia Civil ouvir 12 testemunhas e analisar os laudos periciais do Instituto Geral de Perícias (IGP).

Matérias Relacionadas

Segurança

Acusado de tentativa de homicídio em Corupá será julgado nesta quinta-feira (24)

Este será o primeiro júri da região Norte neste ano.
Acusado de tentativa de homicídio em Corupá será julgado nesta quinta-feira (24)
Segurança

Ação conjunta PRF e Civil apreende mais de R$ 1,8 milhão em cocaína em Cunha Porã

O motorista, de 48 anos, disse que buscou a droga em Campo Grande/MS e a levaria até Santa Maria/RS
Ação conjunta PRF e Civil apreende mais de R$ 1,8 milhão em cocaína em Cunha Porã
Segurança

Homem é preso com pedras preciosas, maconha e cocaína em Barra Velha

Fato ocorreu nesta segunda-feira (21)
Homem é preso com pedras preciosas, maconha e cocaína em Barra Velha
Segurança

Briga entre vizinhas termina em agressão em Guaramirim

Fato ocorreu na noite desta segunda-feira.
Briga entre vizinhas termina em agressão em Guaramirim
Ver mais de Segurança