Segurança

Operação de combate à pornografia prende duas pessoas na região 

A força-tarefa coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) envolve Polícias Civis de dez Estados.

06 Nov 2020 - 10h00Por Janici Demetrio
Operação de combate à pornografia prende duas pessoas na região  - Crédito: Divulgação Polícia Civil Crédito: Divulgação Polícia Civil

Duas pessoas foram presas em Jaraguá do Sul e Guaramirim na Operação Luz na Infância 7, desencadeada na manhã desta sexta-feira (6). A informação é da Polícia Civil, acrescentando que até às 9h, o balanço indicava oito prisões em flagrante em Santa Catarina, nas cidades de São José, Jaraguá do Sul, Caçador, Itapema, Guaramirim, Florianópolis, São José do Cedro e Morro da Fumaça.

A ação cumpre dez mandados de busca e apreensão contra dez alvos em Santa Catarina. A força-tarefa coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) envolve Polícias Civis de dez Estados. Além disso, agentes de aplicação da lei da Argentina, Estados Unidos, Paraguai e Panamá estão cumprindo, simultaneamente, mandados de busca e apreensão.

Operação de combate à pornografia infantil cumpre mandados em Jaraguá e Guaramirim 

Desde as primeiras horas da manhã, as equipes procuram suspeitos de crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes praticados na internet. Os mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça que estão sendo cumpridos em Santa Catarina foram identificados pela Polícia Civil com base em elementos informativos coletados em ambientes virtuais com indícios de autoria e materialidade delitiva.

Os mandados de busca e apreensão são cumpridos em Florianópolis, São José, Caçador, Morro da Fumaça, Sombrio, São José do Cedro, Jaraguá do Sul, Guaramirim, Rio do Sul e Itapema. As buscas são realizadas em conjunto com o Instituto Geral de Perícias (IGP).


> Receba notícias de Jaraguá do Sul e região pelo WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo da  Rádio Jaraguá. 

No Brasil, a pena para quem armazena esse tipo de conteúdo varia de 1 a 4 anos de prisão, de 3 a 6 anos pelo compartilhamento e de 4 a 8 anos de prisão pela produção de conteúdo relacionado aos crimes de exploração sexual.

Matérias Relacionadas

Segurança

Foragido é recapturado durante blitz em Jaraguá do Sul

Fato ocorreu na tarde desta quarta-feira (4)
Foragido é recapturado durante blitz em Jaraguá do Sul
Segurança

Divisão de terra termina em ameaça com facão em Guaramirim

Fato ocorreu no início da tarde desta quarta-feira (4)
Divisão de terra termina em ameaça com facão em Guaramirim
Segurança

Rua Artur Müller terá sentido único a partir de segunda-feira

A alteração tem por objetivo atender ao novo sistema de transporte e terá a entrada e saída de ônibus, também pela Rua Artur Müller.
Rua Artur Müller terá sentido único a partir de segunda-feira
Segurança

Trator incendeia em Massaranduba e bombeiros voluntários são chamados

Ocorrência foi atendida nesta terça-feira (3)
Trator incendeia em Massaranduba e bombeiros voluntários são chamados
Ver mais de Segurança