#ficaemcasa
Segurança

Após fuga de presos, fronteira com Paraguai tem policiamento reforçado

Segundo governo brasileiro, fronteira não foi fechada

20 Jan 2020 - 10h21Por Agência Brasil

O Ministério da Justiça e Segurança Pública informou que reforçou o policiamento na fronteira com o Paraguai, com o uso de helicópteros e barreiras. A medida foi tomada após a fuga de 75 prisioneiros da Penitenciária de Pedro Juan Caballero, que fica na fronteira com o país vizinho. No grupo, há 40 brasileiros e 35 paraguaios. A maioria dos fugitivos é integrante do grupo criminoso Primeiro Comando da Capital (PCC).

A pasta esclareceu que a fronteira com o Paraguai não está fechada na região de Mato Grosso do Sul e que brasileiros e paraguaios continuam podendo ir e vir.

O governo do Paraguai, por meio do Ministério do Interior, anunciou o alerta máximo na Polícia Nacional e o destacamento dos melhores investigadores da instituição em Pedro Juan Caballero e nos arredores.

As autoridades acreditam que os presos usaram um túnel para fugir da prisão. Um foi recapturado quando tentava escapar pelo túnel. O ministro do Interior, Euclides Acevedo, não descartou a ajuda de agentes penitenciários na fuga. “Aqui há cumplicidade com as pessoas lá dentro e esse é um fenômeno que abrange todas as penitenciárias”, afirmou.

Segundo o ministro, é possível que alguns dos presos já tenham escapado para o Brasil. De acordo com ele, a maioria dos fugitivos é altamente perigosa.

Em publicação no Twitter na tarde de hoje, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, destacou o trabalho do governo brasileiro em parceria com as força de segurança paraguaias para impedir a entrada dos criminosos no Brasil.

“Estamos trabalhando junto com as forças estaduais para impedir a reentrada no Brasil dos criminosos que fugiram de prisão do Paraguai. Se voltarem ao Brasil, ganham passagem só de ida para presídio federal”, escreveu Moro.

Em outra postagem, o ministro disse ainda que está à disposição das autoridades paraguaias para ajudar na recaptura dos presos. “Estamos à disposição também para ajudar o Paraguai na recaptura desses criminosos. O Paraguai tem sido um grande parceiro na luta contra o crime”, ressaltou.

Matérias Relacionadas

Segurança

Depen suspende visitas de familiares e advogados em prisões federais

Medida, do Departamento Penitenciário Nacional, vigora por 30 dias
Depen suspende visitas de familiares e advogados em prisões federais
Segurança

Polícia Civil fecha fábrica clandestina de álcool em gel e prende três pessoas em SC

A ação ocorreu nos bairros Adhemar Garcia, Guanabara e Saguaçu, em Joinville.
Polícia Civil fecha fábrica clandestina de álcool em gel e prende três pessoas em SC
Coronavírus

Polícia Civil amplia Delegacia Virtual e reforça pedido para registro de Boletim de Ocorrência online

Coronavírus

Governo do Estado autoriza entrada de veículos de transporte coletivo para repatriar turistas

Governo do Estado autoriza entrada de veículos de transporte coletivo para repatriar turistas
Ver mais de Segurança