GNet
Saúde

Rússia registrará segunda vacina contra covid-19 até 15 de outubro

A informação foi dada por órgão regulador russo, diz agência TASS

22 Set 2020 - 09h49Por Agência Brasil
Rússia registrará segunda vacina contra covid-19 até 15 de outubro - Crédito: Divulgação / Prefeitura de São Paulo Crédito: Divulgação / Prefeitura de São Paulo

A Rússia espera registrar uma segunda vacina em potencial contra a Covid-19 até o dia 15 de outubro, disse a agência de notícias TASS citando o órgão regulador russo de segurança do consumidor Rospotrebnadzor nesta terça-feira (22).

A vacina foi desenvolvida pelo Instituto Vector, da Sibéria, que concluiu o estágio inicial de testes em humanos na semana passada.

A Rússia registrou sua primeira candidata a vacina, desenvolvida pelo Instituto Gamaleya, de Moscou, em agosto. Os testes em estágio avançado desta candidata com pelo menos 40 mil pessoas estão em andamento.

GNet

Matérias Relacionadas

Saúde

HIV: Brasil tem 694 mil pessoas em terapia antirretroviral

Só neste ano, 45 mil pessoas iniciaram o tratamento no país
HIV: Brasil tem 694 mil pessoas em terapia antirretroviral
Saúde

SC lança nota de alerta sobre a nova variante de preocupação Ômicron

Entre as principais orientações está a organização de estratégias de preparação e resposta frente a uma possível nova onda de casos e intensificação de vacinação
SC lança nota de alerta sobre a nova variante de preocupação Ômicron
Saúde

Anvisa: dois casos da variante Ômicron são identificados no Brasil

Instituto Adolfo Lutz vai fazer análise confirmatória
Anvisa: dois casos da variante Ômicron são identificados no Brasil
Saúde

Médico que atuou no enfrentamento da pandemia em Jaraguá é homenageado

Dr. Rodrigo Ferreira de Souza recebeu a Comenda do Legislativo Catarinense
Médico que atuou no enfrentamento da pandemia em Jaraguá é homenageado
Ver mais de Saúde