Acessibilidade

Jovem que perdeu uma das pernas busca apoio para conseguir uma prótese

A jovem de 24 anos precisou amputar a perna esquerda devido a uma doença grave

19 Set 2019 - 15h40Por Sérgio Luiz
Jovem que perdeu uma das pernas busca apoio para conseguir uma prótese - Crédito: Facebook / Karina Pescharki Crédito: Facebook / Karina Pescharki
Nesta semana nós falamos sobre o prazo para adequações das empresas à Lei da Acessibilidade, que termina em abril do ano que vem. E quem não estiver devidamente enquadrado nas exigências pode ter dificuldades para renovar o Alvará de Funcionamento.
 
E segundo o advogado Frederico Hülbert, 70% das empresas em Jaraguá do Sul ainda precisam fazer as adequações. Se por um lado as empresas têm dificuldade para cumprir a risca o que determina a Lei, por outro, existem as pessoas com algum grau de deficiência que são impactadas por isso.  É o caso da Karina Pescharki, de 24 anos  que preciso amputar a perna esquerda devido a uma doença grave. Ela sabe bem quais as dificuldades que enfrenta diariamente, fora de casa.
 

Banner Dengue

A Karina está em busca de apoio para comprar uma prótese, que lhe dará maior autonomia para tocar a vida.

Ela diz que compartilha as experiências no Instagram e isso a ajuda a enfrentar o problema.

Quem tiver interesse em ajudar a Karina ou saber um pouco mais sobre a história dessa jovem pode ligar para o telefone 9 9778-9211

Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp! 

 
 

Matérias Relacionadas

Saúde

Aprovada 1ª ressonância magnética portátil: 20 vezes mais barata

O aparelho permite obter de maneira prática e segura imagens cerebrais precisas do paciente
Saúde

Cientistas descobrem “interruptor” molecular que pode “desligar” doenças

Trata-se da proteína receptora NLRP3, que é responsável por detectar possíveis patógenos
Cientistas descobrem “interruptor” molecular que pode “desligar” doenças
Saúde

Confirmada febre amarela em morador de Pomerode

Segundo a Vigilância Epidemiológica de Pomerode, o homem não estava vacinado contra a doença e mora sozinho na localidade de Alto da Serra.
Confirmada febre amarela em morador de Pomerode
Saúde

Produto bioativo para reduzir maruim já tem efeitos positivos, segundo especialistas

Conforme o pesquisador, nas áreas onde estão ocorrendo os testes, já reduziu a infestação do mosquito
Produto bioativo para reduzir maruim já tem efeitos positivos, segundo especialistas
Ver mais de Saúde