Saúde

Governo libera capacidade máxima em hotéis e pousadas de SC

A regra passa a valer a partir do dia 21 de dezembro

15 Dez 2020 - 09h19Por Janici Demetrio

Com o objetivo de reduzir a hospedagem clandestina em estabelecimentos sem fiscalização para garantir a segurança sanitária dos visitantes, o governador Carlos Moisés da Silva anunciou na segunda-feira (14) novas regras de ocupação para a rede hoteleira na temporada 2020/2021. Pela normativa, fica permitida a lotação de hotéis e pousadas em sua capacidade integral em Santa Catarina. A regra, construída em parceria com representantes do setor turístico, passa a valer a partir do dia 21 de dezembro.

“A saúde dos catarinenses e dos turistas segue como nossa prioridade durante a temporada. Por isso, estamos tomando essa medida que amplia a capacidade de hotéis e pousadas para garantir que as normas sanitárias sejam seguidas. Os empresários serão nossos parceiros na fiscalização e seguimento das regras”, afirma o governador.

Novo decreto estabelece regras para volta às aulas em Santa Catarina

O trabalho de elaboração de protocolos para a rede hoteleira vem sendo discutido durante todo o ano. O objetivo das normativas é que as atividades ocorram no verão com o cumprimento de todos os regramentos sanitários. Estão entre eles a recomendação para o uso de máscara, álcool gel e evitar a aglomeração de pessoas.

“Estamos trabalhando de forma conjunta com a Saúde e demais órgãos do Governo do Estado para chegar a esse resultado. Levamos em conta o equilíbrio necessário para esse momento entre a economia do turismo e a saúde de quem está diretamente ligado ao setor. E essa é uma solicitação que tem uma relação direta com o selo do Viaje+ Seguro Santa Catarina. Somos embaixadores do "Safe Travel" do Conselho Mundial de Turismo, então temos os nossos ambientes turísticos regrados e seguros para os turistas e todos aqueles que estão envolvidos com o segmento”, destaca o presidente da Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur), Leandro "Mané" Ferrari.

>> Clique aqui e receba as principais notícias de Jaraguá do Sul e região pelo WhatsApp

Conheça o VIAJE+ Seguro Santa Catarina
Desde o início da pandemia de Covid-19, a Santur tem atuado junto aos órgãos de Saúde do Estado para definir as medidas aplicáveis ao setor. Assim, foram elaborados protocolos sanitários para os diferentes segmentos, sempre em conjunto com o trade turístico. Para viabilizar assim a manutenção dos negócios do setor a partir do fortalecimento da imagem de Santa Catarina como um destino seguro.

Esse trabalho embasou outra importante ação da Santur para apoiar a cadeia do turismo em Santa Catarina: o Viaje+SC, um programa focado no turismo seguro para visitantes e residentes no estado.

A adesão ao Viaje+SC é voluntária e gratuita. Aqueles que decidem participar do programa assumem o compromisso de cumprir com as boas práticas de higiene para a prevenção da Covid-19 e são reconhecidos com a emissão do selo Viaje+SC em três categorias: bronze, para quem atende às práticas essenciais; prata, para aqueles que vão além das essenciais, e o selo ouro, para estabelecimentos que adotam todas as práticas e recomendações da Saúde.

Os empreendedores interessados, devem efetuar o cadastro no site do programa e fazer uma autoavaliação quanto aos requisitos a serem cumpridos. Posteriormente, atendendo a todos os critérios, são concedidos os selos. Soma-se ao Viaje+SC o selo internacional Safe Travels, concedido pelo Conselho Mundial de Viagens e Turismo (World Travel & Tourism Council - WTTC) em reconhecimento às ações de Santa Catarina na prevenção à Covid-19.

Matérias Relacionadas

Saúde

Municípios da região têm dia 'D' de vacinação contra a gripe neste sábado

Além da vacinação contra a gripe, os municípios irão aproveitar para imunizar crianças e adolescentes, de 10 a 14 anos, contra a dengue
Municípios da região têm dia 'D' de vacinação contra a gripe neste sábado
Saúde

Brasil já tem mais de 3 milhões de casos de dengue em 2024

Desde o início do ano, foram registradas 1.256 mortes pela doença
Brasil já tem mais de 3 milhões de casos de dengue em 2024
Saúde

Pronto Atendimento de Barra Velha passa por inspeção após morte da pequena Sofia

Unidade de Saúde pode fechar; Entenda os pontos
Pronto Atendimento de Barra Velha passa por inspeção após morte da pequena Sofia
Saúde

'Febre do Maruim' preocupa autoridades da Saúde na região

Estados do Norte concentram maior número de casos
'Febre do Maruim' preocupa autoridades da Saúde na região
Ver mais de Saúde