Unimed
Saúde

Focos do Aedes Aegypti e baixos índices de vacinação contra a febre amarela coloca Jaraguá do Sul em alerta

Secretário de saúde se diz assustado com o número de focos do mosquito na cidade

27 Mar 2019 - 13h00Por Sérgio Luiz

O secretário de saúde de Jaraguá do Sul, Alceu Gilmar Moretti, está muito preocupado com duas situações em particular na cidade. O número elevado de pessoas que ainda não se vacinaram contra o vírus da febre amarela, e a falta de cuidado da população para evitar a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, são situações que geram extrema preocupação.

De acordo com Moretti, nas dezenas de armadilhas espalhadas pela cidade, o número de focos do mosquito, assusta.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp!

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Guaramirim terá aplicação da segunda dose contra a covid-19 no sábado (24)

Será preciso apresentar documento de identificação com foto e a carteira de vacinação para que a imunização seja devidamente registrada
Guaramirim terá aplicação da segunda dose contra a covid-19 no sábado (24)
Saúde

Hospital Santo Antônio passa por obras de melhorias

Hospital Santo Antônio passa por obras de melhorias
Geral

Entra em vigor lei do teste de paternidade em parentes de suposto pai

O teste em parentes consanguíneos poderá ser autorizado por um juiz
Saúde

Atenção: Central Covid 0800 de Jaraguá atende temporariamente pelo 2106-8413

A Central tira dúvidas a respeito da doença e encaminha para atendimento médico os casos suspeitos de covid-19.
Atenção: Central Covid 0800 de Jaraguá atende temporariamente pelo 2106-8413
Ver mais de Saúde