Saúde

Doenças erradicadas podem voltar por falta de vacinação

Ana Cristina Kneipp, cita como exemplo a Campanha de Vacinação contra a Influenza, cuja procura ficou abaixo do esperado, especialmente no público infantil

11 Jun 2019 - 06h00Por Janici Demetrio
Doenças erradicadas podem voltar por falta de vacinação - Crédito: Ilustrativa Crédito: Ilustrativa

Para uns, descrença e indignação. Para outros, questão de liberdade e decisão individual e particular. Entre os extremos, inúmeros argumentos e questões sobre a gravidade da queda de cobertura vacinal entre os brasileiros. Tanto entre crianças e adolescentes, quanto na população adulta e idosa. Por conta disso, doenças já erradicadas no Brasil voltaram a ser motivo de preocupação entre profissionais de saúde. E as baixas coberturas vacinais, de acordo com o próprio Ministério da Saúde, acendem "uma luz vermelha" no país.

Em Jaraguá, a situação não é diferente, a enfermeira do setor de imunização da Secretaria de Saúde, Ana Cristina Kneipp, cita como exemplo a Campanha de Vacinação contra a Influenza, cuja procura ficou abaixo do esperado, especialmente no público infantil.

Depois de ser eliminado das Américas em 2016 segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), em 2018 o sarampo voltou a ser uma preocupação brasileira com a ocorrência de surtos. Como a única forma de prevenção da doença é a vacina, a baixa cobertura vacinal é apontada como principal causa para a doença ter retornado ao país: a meta de vacinação contra o sarampo é de 95%, mas em 2017 a cobertura foi de 84,9% na primeira dose e de 71,5% na segunda, de acordo com o próprio Ministério da Saúde. E este é apenas um exemplo.

Vale destacar que o Sistema Único de Saúde, oferece vacinas, totalmente gratuitas, para todas as faixas etárias.

No último domingo, dia 9, foi celebrado o Dia da Imunização. Data criada com o objetivo de conscientizar a população sobre a importância de manter as principais vacinações contra certas doenças em dia, diminuindo a probabilidade de contrair enfermidades como a caxumba, o sarampo, o tétano, a gripe, entre outras.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp!

Matérias Relacionadas

Educação

Corupá vai exigir vacinação em dia para matrícula na rede municipal

O Decreto no 1722/19 foi assinado pelo prefeito, João Carlos Gottardi, neste mês
Corupá vai exigir vacinação em dia para matrícula na rede municipal
Saúde

Jaraguá do Sul registra sétima morte por gripe em 2019

Conforme Geovani Carvalho Lombardi, de 2014 a 2018, 15 pessoas morreram em decorrência da gripe em Jaraguá do Sul
Jaraguá do Sul registra sétima morte por gripe em 2019
Saúde

Sétima morte por Influenza A H1N1 é confirmada em Jaraguá do Sul

A mulher estava internada no hospital São José desde o início de setembro
Sétima morte por Influenza A H1N1 é confirmada em Jaraguá do Sul
Saúde

Prefeito de Corupá sugere usar prédio da Prefeitura para Farmácia de Manipulação

Corupá gasta, em média, por mês R$ 30 mil com medicamentos
Prefeito de Corupá sugere usar prédio da Prefeitura para Farmácia de Manipulação
Ver mais de Saúde