Saúde

Covid-19: Queda no número de novos casos não justifica relaxamento das medidas de segurança

08 Set 2020 - 13h42Por Da Redação
Covid-19: Queda no número de novos casos não justifica relaxamento das medidas de segurança - Crédito: Unsplash / Ilustrativa Crédito: Unsplash / Ilustrativa

Apesar da queda na curva de contágio por Coronavírus das últimas cinco semanas, todas as recomendações das autoridades de saúde continuam válidas. Distanciamento e isolamento social, além das medidas de higiene não podem ser abandonadas e farão parte do novo normal por longo período.

As pessoas que integram os grupos de risco devem ter os cuidados redobrados. Qualquer sintoma de gripe é suficiente para a procura de orientação médica. O Pama do bairro Czerniewicz e a Central de Orientação sobre o Coronavírus (0800-643-8089) são os canais de atendimento exclusivos para síndromes gripais e Covid-19. O Pama funciona de domingo a segunda, das 6h30 às 22 horas; a Central de Orientação (0800), também de domingo a segunda, das 7h30 às 18 horas. 

O número de casos confirmados oficialmente vem caindo pela quinta semana consecutiva, com pico de 489 novos casos de 26/7 a 1/8. Depois disso, de 2 a 8/8, foram 302 novos registros; 281, de 9 a 15/8; 231, de 16 a 22/8; 150, de 23 a 29/8 e 121, de 30/8 a 5/9.

Dos 35 óbitos registrados no Painel Covid, com atualização de ontem (7), quase a totalidade apresentava uma ou mais comorbidades. O único caso de óbito sem comorbidade foi registrado ontem. A vítima era um homem de 34 anos. Um outro caso não se encaixa como comorbidade, mas trata-se de um integrante de grupo de risco por estar na faixa etária acima dos 70 anos. 

 De acordo com o secretário de Saúde, Alceu Moretti,  de fato há uma queda no número de casos em Jaraguá do Sul para o Covi-19. “Porém, é muito importante a manutenção dos cuidados. Há uma participação muito efetiva da comunidade, as pessoas entenderam a necessidade do uso de máscaras, de lavar as mãos com frequência, do distanciamento social, dos cuidados com roupas e utensílios ao retornar para casa e do olhar especial sobre os idosos e pessoas com comorbidades. Assim, certamente, permaneceremos com menos registros da doença na cidade, mas dependemos muito da participação de todos”, explica.
 
O cuidados básicos, além de todas as outras práticas de segurança estão previstas na Cartilha de Boas Maneiras de Convivência Covid-19, elaborada pelo Comitê  Gestor sobre a pandemia Covid19 .

Cuidados ainda necessários para o enfrentamento do Coronavírus

Por que lavar as mãos frequentemente? 

O sabão rompe a membrana de gordura que os vírus possuem, fazendo com que "morram". Por isso, segundo a Organização Mundial da Saúde, lavar as mãos com água e sabão frequentemente é uma das principais formas de evitar a contaminação. A recomendação é fazer isso o tempo todo, principalmente ao entrar em contato com outras pessoas, ir à rua ou tocar em objetos de uso comum como maçanetas, botão do elevador e corrimão. Use sabão suficiente para que a espuma cubra toda a superfície das mãos. Use sabão suficiente para que a espuma cubra toda a superfície das mãos. A lavagem completa deve durar cerca de 50 segundos e ter os seguintes passos: Esfregue bem a palma das mãos; capriche na limpeza do espaço entre os dedos e também do dorso e do punho. Depois, seque com toalha descartável (em ambientes coletivos). Se a torneira não for automática, use a toalha de papel para fechá-la, ou lave a torneira antes de ensaboar as mãos.

Por que devemos ficar em casa? 

Como nosso organismo ainda não tem anticorpos para combater o novo coronavírus, ele é transmitido facilmente de um indivíduo para outro. Se as pessoas continuarem levando uma vida normal (indo trabalhar, frequentando lugares aglomerados), o número de pacientes com covid-19 tende a se elevar rapidamente e sobrecarregar o sistema de saúde. Os hospitais não conseguem atender adequadamente casos graves e o número de mortes aumenta.

Máscara protege do coronavírus? 

O acessório é capaz de impedir que partículas maiores de secreções (saliva, por exemplo) contaminadas cheguem até seu nariz e sua boca. Além disso, evita que o doente espalhe secreções pelo ambiente. O Ministério da Saúde recomenda o uso  para todos (de tecido comum). 

Quais produtos de limpeza matam o coronavírus? 

Água e sabão, álcool 70% e água sanitária são os produtos mais indicados para higienizar ambientes e objetos e eliminar o novo coronavírus. (Cartilha de Boas Maneiras de Convivência Covid-19/PMJS e uol/vivabem).


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região?CLIQUE AQUIe receba diretono seu WhatsApp! 

Matérias Relacionadas

Saúde

Ministro da Saúde visita Hospital Santa Isabel em Blumenau

Marcelo Queiroga foi recebido pelo Diretor de Operações da instituição
Ministro da Saúde visita Hospital Santa Isabel em Blumenau
Saúde

Jaraguá suspende aplicação da primeira dose de vacina contra a covid

Assim que receber nova remessa de vacinas do Governo do Estado, a Secretaria Municipal de Saúde retomará o Plano Nacional de Imunização Contra a Covid-19, seguindo as orientações do Ministério da Saúde
Jaraguá suspende aplicação da primeira dose de vacina contra a covid
Saúde

SC ultrapassa 5 milhões de doses aplicadas contra a Covid-19

O total de pessoas completamente imunizadas em Santa Catarina já é maior do que o número dos que foram infectados, desde o início da pandemia
SC ultrapassa 5 milhões de doses aplicadas contra a Covid-19
Saúde

Jaraguá libera vacina contra a covid-19 para pessoas com 32 anos

Jaraguá libera vacina contra a covid-19 para pessoas com 32 anos
Ver mais de Saúde