Joaçaba Pneus
Santa Catarina

SOL: ações fomentam o turismo, a cultura e o esporte catarinense durante todo o ano

Na Cultura e no Esporte, Santa Catarina também atingiu metas ousadas, realizou grandes eventos e alcançou grandes conquistas.

23 Dez 2018 - 16h55
SOL: ações fomentam o turismo, a cultura e o esporte catarinense durante todo o ano -

Santa Catarina é um estado cujas belezas naturais e seus diferentes ecossistemas fazem do turismo uma vocação incontestável. São tantas qualidades e atributos, reunidos em pouco mais de 1% do território nacional, que fica fácil entender porque em 2018 fomos pela décima primeira vez o melhor destino turístico do Brasil. O setor já responde por 13% do PIB catarinense e se encontra em franca expansão. Embora nosso vasto litoral faça do veraneio o nosso maior atrativo, o turismo rural, de inverno, religioso e de negócios mantêm o mercado aquecido e amenizam o impacto da sazonalidade. Na Cultura e no Esporte, Santa Catarina também atingiu metas ousadas, realizou grandes eventos e alcançou grandes conquistas. 

A partir das experiências vivenciadas nos últimos anos, o Governo realizou investimentos importantes em infraestrutura e na ampliação e qualificação dos serviços essenciais, dando condições para que o estado receba bem seus visitantes durante os doze meses do ano. Há grande expectativa sobre a vinda de aproximadamente cinco milhões de turistas nesta temporada de verão, por isso a Operação Veraneio foi aprimorada e estratégias e ações foram adotadas para garantir segurança e conforto aos catarinenses e visitantes. Com recursos na ordem de R$ 15 milhões, garantimos a manutenção da Operação Veraneio em 61 dos 295 municípios. 

TURISMO

No âmbito do turismo, a SOL fomenta o desenvolvimento das atividades em todas as regiões, oferecendo atrações para os diversos públicos, a exemplo do enoturismo, rota da cerveja, turismo de experiência, história e cultura, ecoturismo, esportes de aventura, eventos, gastronomia, estâncias termais, compras, lazer e entretenimento, praia e natureza. Durante todo o ano, diversos projetos foram executados agregando assim valor ao setor.

O Centro de Eventos Balneário Camboriú foi a maior e mais importante obra executada nesta gestão. Com uma área de 33.582,54 m² e capacidade para 20 mil pessoas, o novo espaço encontra-se com 96,35% das obras concluídas, será administrado pela iniciativa privada e estará pronto e em operação até fim do primeiro semestre de 2019. Segundo o secretário da SOL, Tufi Michreff Neto, o novo empreendimento eleva ainda mais o padrão do turismo do nosso estado, uma vez que fica dentro de um importante eixo rodoviário do Mercosul.

Outro programa que recebeu repasse do Ministério do Turismo foi o Bandeira Azul - sendo investido R$ 80 mil para realização de um diagnóstico de 40 praias de Santa Catarina a fim de ampliar a certificação internacional. O recurso será utilizado para auxiliar os municípios em todo no processo de candidatura, desde a solicitação da adesão ao programa, trâmites para receber a visita técnica e avaliação do operador nacional, inscrição no Programa e adequação aos critérios. 

Por meio da SOL, tambem foi garantido ao Caminhos da Neve mais R$ 3 milhões para as obras da SC-114 - trecho entre São Joaquim e o município de São Francisco de Paula (RS). Os recursos são do Funturismo e cumprem a finalidade de atender ao convênio entre o Governo do Estado e o Exército Brasileiro, que executa as obras. Desde 2014 até agora foram destinados R$ 16 milhões para execução da obra. O secretário Tufi Michreff destaca o empenho do governo para que o setor turístico continue a se destacar na geração de riquezas para Santa Catarina e ressalta que esta obra de infraestrutura rodoviária amplia as condições de atendimento aos turistas que buscam nossos atrativos naturais e culturais

ais informações sobre as realizações do Estado no Turismo, clique aqui!

CULTURA

Valorizar a cultura é investir em um setor econômico que tem demonstrado crescimento significativo, gerando emprego e renda em Santa Catarina. Nesse sentido, ações realizadas pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) e Fundação Catarinense de Cultura (FCC) fomentam toda cadeia de produção da Economia Criativa. É o caso do Prêmio Catarinense de Cinema e do Projeto Estação Cultural. Já o Festival de Dança de Joinville, considerado o mais importante do Brasil, também conta com apoio financeiro do Governo do Estado. Vale destacar também os R$ 2,8 milhões investidos por meio de dois programas de transferência no âmbito do FUNCULTURAL e de projetos pagos em 2018, referente ao Edital de Pontos de Cultura, ainda em execução.

Os programas de transferências lançados possibilitaram a realização de eventos, oficinas e ações de formação que permitam o intercâmbio e a promoção dos artistas e produtores culturais em diversas regiões do estado. O ano de 2018 foi atípico, mas apesar dos desafios encontrados pelo caminho, SOL e FCC foram capazes de apresentar resultados positivos, buscando desenvolver nosso estado através da cultura. 

O Prêmio Catarinense de Cinema teve investimento inicial de R$ 8.420.000,00. Além de ser uma oportunidade de expressar a nossa cultura e história, a indústria do cinema representa hoje um dos alicerces da nova indústria catarinense. Santa Catarina já ocupa um dos três polos nacionais na produção de animações e estes investimentos irão garantir incentivos a este mercado que também gera emprego e renda.

Assim como nos anos anteriores, em 2018 também foi entregue a MEDALHA CRUZ E SOUSA - maior honraria da área cultural em Santa Catarina concedida pelo governador. A Medalha do Mérito Cultural Cruz e Sousa é um prêmio simbólico, entregue a autores de obras literárias, artísticas, educacionais ou científicas relativas ao Estado de Santa Catarina e reconhecidas pela sociedade, ou a quem tenha contribuído por outros meios e de modo eficaz para o enriquecimento ou a defesa do patrimônio artístico e cultural. Os oito homenageados com a Medalha Cruz e Sousa 2018 foram: Edenice Cruz Fraga; Casal Springmann - Fernando Springmann e Yara Fischer Springmann; José Claudio Caramori; Carlos Damião W. Martins; Carmen Lucia Fossari; João Batista Costa [JB]; Solange Adão; e Vicente Telles [in memoriam].

ESPORTE

Neste ano, a SOL, por meio do Sistema Estadual de Incentivo à Cultura, ao Turismo e ao Esporte (SEITEC), no que compete ao Fundo Estadual de Incentivo ao Esporte (FUNDESPORTE), apoiou em mais de R$ 2,5 milhões o Calendário Oficial Esportivo do Estado, executado pela Fundação Catarinense de Esporte (FESPORTE), em eventos como: Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC), Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina (PARAJASC), Jogos Abertos da Terceira Idade (JASTI), Olimpíada Estudantil Catarinense (OLESC), Joguinhos Abertos de Santa Catarina, Moleque Bom de Bola, Jogos Escolares de Santa Catarina (JESC) 12 - 14 e 15 – 17, e Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (PARAJESC) - eventos que são também a “vitrine” para o futuro de nossos atletas.

O Plano Estadual do Esporte e Lazer recebeu este ano impulso para finalização do Plano Estadual do Esporte e Lazer, que trata de todas as políticas públicas do Governo de Santa Catarina voltadas a área e que está em fase de ajustes na Casa Civil. O plano, de cunho decenal, resulta de inúmeros estudos e debates em fóruns e ações conjuntas entre o poder público e a sociedade desde 2012. A proposta do Plano tem como princípios a descentralização dos recursos aplicados, democratização e transparência da informação e o princípio da regionalização. Também em fase de implementação está o Observatório do Esporte, para coletar informações e indicadores da área e orientar políticas públicas para o setor.

Em maio, foi firmado um protocolo de cooperação com a província chinesa de Shanxi para o desenvolvimento de ações na área esportiva, em especial nas modalidades futebol, artes marciais, judô e tênis de mesa. A aproximação entre os governos tem como finalidade promover ações envolvendo treinamento esportivo em geral e de jovens talentos, incentivar a realização de eventos esportivos internacionais, assim como de projetos esportivos, promoção comercial e intercâmbio de voluntários por meio dos clubes. Segundo o Secretário Tufi Michreff, foi de extrema importância firmar esta parceria que começou a ser construída em 2015 e agora dá um passo importante para o seu fortalecimento. "Esperamos que muito em breve seja possível desenvolver ações e que sejam profícuas para ambas partes", diz o secretário.

Além das atividades esportivas realizadas todos os anos, em 2018, Santa Catarina sediou uma etapa do Circuito Mundial de Vôlei de Praia. A competição foi realizada nas areias de Meia Praia, em Itapema. Participaram mais de 160 atletas de alto nível e as partidas foram exibidas por canais de TV aberta e por assinatura, além de transmissão via Facebook da Confederação Brasileira de Voleibol – CBV, proporcionando visibilidade internacional. De acordo com Tufi, por ser uma competição internacional, atrai olhares de várias partes do mundo, colocando Santa Catarina em evidência, além disso, promove a modalidade, o que certamente despertará maior interesse dos catarinenses para essa prática esportiva.

Devido ao excelente desempenho no esporte durante o ano de 2018 - atletas, paratletas, técnicos, entidades, equipes e árbitros de diversas modalidades desportivas, do esporte catarinense, foram homenageados na 10ª Edição do Troféu Gustavo Kuerten de Excelência no Esporte durante cerimônia realizada no Teatro Pedro Ivo, em Florianópolis. Para o Secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Tufi Michreff Neto “é uma honra premiar atletas que fazem a história do esporte em Santa catarina”.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp!

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Dário Berger pede afastamento provisório de Celso Maldaner da presidência do MDB

Na quinta-feira (17), os líderes da sigla participam de reunião em Florianópolis
Dário Berger pede afastamento provisório de Celso Maldaner da presidência do MDB
Economia

FIESC defende redução temporária do imposto de importação do aço

O insumo teve alta superior a 100% em 12 meses e tem impactado diversos setores, principalmente a construção e o metalmecânico
FIESC defende redução temporária do imposto de importação do aço
Economia

Sine de Santa Catarina tem 5.145 vagas de emprego abertas

Todas as vagas são para contratações efetivas, os pré-requisitos e a carga horária variam de acordo com o cargo.
Sine de Santa Catarina tem 5.145 vagas de emprego abertas
Geral

Sicredi fortalece o compromisso com a agricultura familiar em SC

Atuação do Sicredi junto a agricultura familiar e em toda a cadeia produtiva do agronegócio fomenta o desenvolvimento econômico.
Sicredi fortalece o compromisso com a agricultura familiar em SC
Ver mais de Santa Catarina