Eleições 2020
Santa Catarina

Leilão de bens móveis que inclui aeronave do Estado tem fechamento de lotes nesta quarta-feira

A lista de itens disponíveis também inclui carros, impressoras, móveis e outros bens de consumo

29 Set 2020 - 17h10Por Da Redação
Leilão de bens móveis que inclui aeronave do Estado tem fechamento de lotes nesta quarta-feira - Crédito: Divlugação/SEA Crédito: Divlugação/SEA

O fechamento dos lotes do leilão eletrônico online, que disponibilizou bens móveis inservíveis do Governo do Estado para venda, será realizado nesta quarta-feira, 29, a partir das 9h. A organização do leilão acontece por meio da diretoria de Gestão Patrimonial da Secretaria de Estado da Administração (SEA). A expectativa da SEA é de arrecadar dois milhões de reais com o leilão.

Multivacinação

Os lances podem ser registrados no site do leiloeiro oficial. Dentre os lotes disponíveis, está a venda de uma aeronave, modelo Xingu EBM-121A1, além de carros, impressoras, móveis e outros bens de consumo. Os interessados tiveram a oportunidade de examinar os lotes a serem leiloados, durante os dias 23 e 29 de setembro.

Podem participar do leilão pessoas físicas e jurídicas, exceto funcionários da secretaria de Estado da Administração ou pessoas ligadas a empresas que prestam serviços, seja direta ou indiretamente, à secretaria. 

Vendas de bens inservíveis e economia com manutenção superam R$ 8 milhões

Esse é o terceiro leilão de bens móveis inservíveis que o Governo do Estado realiza desde o ano passado, sendo que os editais anteriores arrecadaram mais de R$ 3,6 milhões de reais. A inclusão da aeronave, por exemplo, segue a estratégia adotada no início dessa gestão em relação à economia com despesas aéreas. No ano passado, o Governo vendeu uma aeronave e adotou o uso de voos comerciais, alcançando uma economia de 95% nos deslocamentos do governador Carlos Moisés, conforme levantamento da Casa Civil do Estado de Santa Catarina.

Ao abrir mão do jato Cessna Citation II 550, o chefe do Executivo deixou de gastar R$ 4,5 milhões por ano. O avião foi comprado pelo Governo de Mato Grosso do Sul por cerca de R$ 3,2 milhões. Enquanto o Governo chegou a gastar até R$ 6 milhões por ano, em gestões anteriores, no ano passado a despesa não chegou a R$ 200 mil.

A venda das aeronaves do Governo do Estado também elimina os altos custos com manutenção, que incluem despesas diretas com as aeronaves, além de combustíveis, atendimento de pista, salários e diárias de pilotos, seguros, taxas e cursos, entre outros.

Em 2017, esses gastos chegaram a R$ 4,8 milhões e, em 2018, foram de R$ 4,5 milhões. Cerca de R$ 1 milhão eram usados anualmente para pagamento de combustível. A média mensal dos custos chegava a R$ 389 mil.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região?CLIQUE AQUIe receba diretono seu WhatsApp! 

Matérias Relacionadas

Eleições 2020

Tire suas dúvidas sobre as eleições municipais

Na microrregião, mais de 181,9 mil eleitores devem ir urnas neste ano.
Tire suas dúvidas sobre as eleições municipais
Saúde

Campanhas de Multivacinação e Vacinação contra a Poliomielite terminam na sexta

Até o momento, Santa Catarina conseguiu vacinar na Campanha contra a Poliomielite metade do total de crianças com idade entre 1 e menos de 5 anos que deveriam ser vacinadas
Campanhas de Multivacinação e Vacinação contra a Poliomielite terminam na sexta
Educação

PMSC abre as inscrições para ingresso nos Colégios Policiais Militares do estado

O processo seletivo se destina ao preenchimento de 300 vagas para o 6° ano, sendo 60 vagas para cada município
PMSC abre as inscrições para ingresso nos Colégios Policiais Militares do estado
Geral

Segurança jurídica com nova lei do gás vai atrair R$ 60 bi em investimentos

A afirmação foi feita na sexta-feira (23) durante reunião on-line da diretoria da FIESC com o deputado federal Laércio Oliveira, relator do texto aprovado na Câmara
Segurança jurídica com nova lei do gás vai atrair R$ 60 bi em investimentos
Ver mais de Santa Catarina