Dia internacional das Mulheres
Santa Catarina

Assinada ordem de serviço para obras nas pontes Colombo Machado Salles e Pedro Ivo Campos

Prazo para conclusão é de 24 meses, com investimentos de R$ 29,6 milhões e mais R$ 1,3 milhões para a supervisão, controle e fiscalização dos trabalhos.

01 Mar 2019 - 06h00Por Secom
Assinada ordem de serviço para obras nas pontes Colombo Machado Salles e Pedro Ivo Campos - Crédito: Julio Cavalheiro / Secom Crédito: Julio Cavalheiro / Secom

O governador Carlos Moisés, acompanhado do secretário de Estado da Infraestrutura, Carlos Hassler, assinou digitalmente na manhã desta quinta-feira, 28, a ordem de serviço para a supervisão e início das obras de recuperação das pontes Colombo Machado Salles e Pedro Ivo Campos, que ligam a região continental de Florianópolis à Ilha de Santa Catarina. O prazo para conclusão é de 24 meses, com investimentos de R$ 29,6 milhões e mais R$ 1,3 milhões para a supervisão, controle e fiscalização dos trabalhos.

Câmara de Vereadores de Jaraguá

“É uma obra prioritária que é esperada há muito tempo pela população. Vai garantir a segurança dos catarinenses. Os recursos já estão assegurados e as empresas já podem começar os trabalhos”, disse o governador, lembrando que essa foi a primeira ordem de serviço assinada digitalmente dentro da política do Governo sem Papel.

A empresa responsável pelas obras das pontes é a CEJEN Engenharia Ltda., de Curitiba, vencedora do processo licitatório realizado em 2016. A supervisão, controle e fiscalização dos serviços fica a cargo da Engevix.

O secretário da Infraestrutura explicou que um estudo está sendo feito para minimizar os impactos da execução junto aos usuários. Hassler destacou que a empresa responsável pela manutenção já tem o plano de mobilização pronto. A primeira etapa será o preparo para o trabalho. “Uma obra como essa exige efetivamente uma área pesada de suporte. Vai ser montada uma estrutura embaixo da ponte para que os operários possam trabalhar com segurança e ter o material disponível”, informou.

História 
A ponte Colombo Machado Salles tem 43 anos. Foi a segunda ligação do tipo a ser construída entre a Ilha e o Continente. O projeto arquitetônico é de autoria de Pedro Paulo de Mello Saraiva e a obra foi erguida com estrutura de concreto. Inaugurada em 8 de março de 1975, possui 1.227 metros de extensão e quatro pistas no sentido Continente.

A ponte Pedro Ivo Campos tem 27 anos. A terceira ligação não era prioridade para o governo da época, mas passou a ser o foco com a interdição da Hercílio Luz. O design foi baseado no projeto da Colombo Salles, mas com o vão central em aço. Tem 1.252 metros de extensão e quatro pistas no sentido Continente-Ilha.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp!

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Decreto que suspende atividades não essenciais volta a funcionar nesse final de semana

Veja quais são os serviços que não podem operar neste fim de semana
Decreto que suspende atividades não essenciais volta a funcionar nesse final de semana
Esportes

Campeonato Catarinense da Série A é suspenso

Decisão foi tomada em reunião de diretoria na tarde desta quarta-feira (3).
Campeonato Catarinense da Série A é suspenso
Política

Relatório do impeachment dos respiradores será votado em 26 de março

Caso o documento recomende a aceitação da denúncia e seja aprovado pela maioria simples dos julgadores (ao menos seis votos favoráveis), Moisés será afastado temporariamente do cargo e seu julgamento terá sequência
Relatório do impeachment dos respiradores será votado em 26 de março
Saúde

Jaraguá deve receber doses da Coronavac nesta quinta-feira

Das 91,2 mil doses, metade será distribuída aos municípios, para dar continuidade à vacinação dos trabalhadores da saúde e idosos com idade entre 80 e 84 anos
Jaraguá deve receber doses da Coronavac nesta quinta-feira
Ver mais de Santa Catarina