Campanha Sarampo
POLÍTICA

Receita: não há procedimento de investigação contra Gilmar Mendes e sua mulher

11 Fev 2019 - 22h46Por Lorenna Rodrigues

A Receita Federal divulgou nota em que afirma que não há procedimento de fiscalização em desfavor do ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes e de sua mulher Guiomar Mendes. Na sexta-feira, Mendes enviou um ofício ao presidente da Corte dizendo ter tomado conhecimento de que era alvo de apuração de auditores da Receita. O ofício foi divulgado pela revista Veja e confirmado pelo Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado.

A nota desta segunda-feira sinaliza que foi aberto um procedimento de análise preliminar, de caráter interno, que "podem ou não resultar de forma motivada em abertura de procedimento de fiscalização". A Receita afirma ainda que as expressões "possíveis fraudes de corrupção, lavagem de dinheiro, ocultação de patrimônio ou tráfico de influência", que constam em documento do órgão anexado pelo próprio Mendes no ofício, não estão "amparadas em evidências verificadas" durante a análise inicial.

O órgão reforça que a fisco atua para combater fraudes fiscais e que, se forem identificados outros crimes, os indícios são encaminhados para a autoridade responsável.

Segundo a Receita, foi identificado "dossiê" com os documentos citados por Mendes, bem como todas as pessoas que tiveram acesso ao procedimento de tramitação restrita. "A identificação e a responsabilização pelo vazamento estão sob apuração em procedimento específico, conduzido pela Corregedoria da Receita Federal", completa a nota.

Matérias Relacionadas

Santa Catarina

Câmara dos Deputados homenageia ACAERT

Sessão solene destacou atuação da entidade e a força da Mídia Regional
Câmara dos Deputados homenageia ACAERT
Política

Sancionada lei que estabelece limite de gastos na campanha municipal

A lei foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União nesta quinta-feira (3)
Sancionada lei que estabelece limite de gastos na campanha municipal
Política

A um ano das Eleições 2020, Justiça Eleitoral catarinense trabalha para tornar processo de votação ainda mais seguro

Atualmente, Santa Catarina possui 5.105.431 eleitores, dos quais 3.680.599 estão cadastrados biometricamente
A um ano das Eleições 2020, Justiça Eleitoral catarinense trabalha para tornar processo de votação ainda mais seguro
Política

Sergio Moro pede que Acaert lidere campanha pela aprovação do pacote anticrime

A palestra, prevista para começar às 10h30min, atrasou, tendo início às 11h05
Sergio Moro pede que Acaert lidere campanha pela aprovação do pacote anticrime
Ver mais de Política