Dia internacional das Mulheres
POLÍTICA

PT vai pedir que PGR investigue Bolsonaro por divulgação de vídeo pornográfico

06 Mar 2019 - 16h37Por Camila Turtelli, Mariana Haubert

O PT vai pedir que a Procuradoria-Geral da República investigue o presidente da República, Jair Bolsonaro, pela publicação de um vídeo pornográfico em sua conta no Twitter. A informação é do deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP). "Vamos representar Jair Bolsonaro pelo vídeo que postou. A lei 13.718, recentemente aprovada, tipifica o crime de divulgação, sem o consentimento da vítima, de cena de sexo, nudez ou pornografia", escreveu o parlamentar em sua conta na mesma rede social.

A publicação de um vídeo de conteúdo escatológico e pornográfico pelo presidente, na noite de quarta-feira, 5, é ainda um dos temas mais comentados na rede social. A publicação divide opiniões com a hashtag #ImpeachmentBolsonaro liderando os tópicos mais replicados, seguida pela #BolsonaroTemRazão.

Logo após o tuíte, muitos internautas pediram que o conteúdo fosse denunciado à rede social como impróprio. Nem o Twitter, nem o presidente excluíram a postagem, mas foi colocado um aviso de que "Esta mídia pode conter material sensível". Na postagem, o presidente afirma que "é isto que tem virado muitos blocos de rua no carnaval brasileiro".

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Jaraguá do Sul registra número expressivo de abertura de empresas

No início do processo em 2017, foram cadastradas 1.180 aberturas de empresas
Jaraguá do Sul registra número expressivo de abertura de empresas
Saúde

PEVE terá atendimento suspenso neste sábado 

Medida atende determinação do Governo do Estado que suspende o funcionamento de serviços não essenciais das 23h de sexta-feira (5), até as 6h de segunda-feira (8)
Saúde

Decreto que suspende atividades não essenciais volta a funcionar nesse final de semana

Veja quais são os serviços que não podem operar neste fim de semana
Decreto que suspende atividades não essenciais volta a funcionar nesse final de semana
Política

Jaraguá autoriza a compra de BTI para controle do borrachudo

Será investido R$ 50 mil na compra de produto para utilização no controle do mosquito
Jaraguá autoriza a compra de BTI para controle do borrachudo
Ver mais de Política