Política

Prefeito pode anunciar na segunda-feira redução dos valores das passagens do transporte coletivo

22 Fev 2013 - 22h44

O prefeito Dieter Janssen anunciará em entrevista coletiva na tarde da próxima segunda-feira (25), a decisão tomada após uma reunião entre Prefeitura de Jaraguá do Sul e a direção da empresa Viação Canarinho. O teor da reunião foi discutir a possibilidade de o prefeito decretar a revogação do último aumento no valor da passagem de ônibus, concedido em dezembro passado, pela então prefeita Cecília Konell. Em princípio, a coletiva estava marcada para esta manhã, a partir das 9h, no gabinete. No entanto, foi transferida para o próximo dia 25, quando o prefeito poderá anunciar a decisão de reduzir em 8%, podendo trazer de volta para R$ 2,75 o valor da passagm antecipada e para R$ 3 aos passageiros que compram o bilhete na hora do embarque. Pra tal decisão, a adminstração municipal argumenta que há distorção nos números apresentados sobre a arrecadação da com a publicidade nos ônibus do transporte coletivo.

ROGÉRIO TALLINI

Matérias Relacionadas

Política

Vereador de Jaraguá quer fábrica de fraldas para atender pessoas carentes

Segundo o parlamentar, a Prefeitura gasta em torno de R$ 200 mil com a compra do produto
Vereador de Jaraguá quer fábrica de fraldas para atender pessoas carentes
Política

Prefeitos da região estão inseguros quanto ao Programa Recuperar do Governo do Estado

O governo do Estado, ficará responsável por fiscalizar os trabalhos, além de liberar os recursos para garantir o andamento das obras
Prefeitos da região estão inseguros quanto ao Programa Recuperar do Governo do Estado
Política

Ministro da Justiça participa do evento da ACAERT no dia 30 de setembro em Florianópolis

A palestra do ex-magistrado será às 10h30 do dia 30 de setembro, no auditório do Tribunal de Justiça de Santa Catarina TJSC, na capital
Ministro da Justiça participa do evento da ACAERT no dia 30 de setembro em Florianópolis
VÍDEO

Ações trabalhistas podem inviabilizar Prefeitura de Corupá

A ação coletiva foi movida por de atrasos em pagamentos
Ações trabalhistas podem inviabilizar Prefeitura de Corupá
Ver mais de Política