Unimed - Capa
Política

Prefeita ainda não foi notificada sobre condenação por improbidade administrativa

29 Nov 2012 - 12h28

Até a manhã de quarta-feira (28), a prefeita Cecilia Konell não tinha sido notificada da decisão da juíza Cândida Inês Zoellner Brugnolli, que condena a chefe do executivo por improbidade administrativa por prática de nepotismo ao nomear o esposo Ivo Konell e a filha Fedra. O advogado Marlon Bertol comentou a decisão da Justiça e confirmou que vai tentar reverter a situação, com Agravo de Instrumento junto ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina.

[jwplayer mediaid="67307"]

A juíza determina a imediata destituição do réu Ivo Konell do cargo de Secretário Municipal de Administração e da ré Fedra Luciana Konell Alcântara da Silva do cargo de Chefe de Gabinete, ainda que seus efeitos estejam suspensos por força do despacho proferido em Agravo de Instrumento. A prefeita Cecília Konell tem 48 horas para tomar esta medida, a partir da notificação da sentença, sob a pena de pagar multa diária de R$ 5 mil.

(JOTHA SANTOS)

Matérias Relacionadas

Eleições 2020

Barroso diz que abstenção de eleitores foi maior que o desejável

Abstenção dos eleitores no segundo turno foi de 29,50%
Barroso diz que abstenção de eleitores foi maior que o desejável
Eleições 2020

Mario Hildebrandt é eleito prefeito de Blumenau 

Ele disputou o segundo turno com João Paulo Kleinübing (DEM) obteve 72,1% dos votos válidos
Mario Hildebrandt é eleito prefeito de Blumenau 
Política

Sessão de julgamento de Moisés ocorre nesta sexta

A sessão começará a partir das 9 horas.
Sessão de julgamento de Moisés ocorre nesta sexta
Eleições 2020

Eleitores de Blumenau e Joinville voltam às urnas no domingo

Ao todo, são 403.526 eleitores em Joinville e 247.014 em Blumenau aptos a votar
Eleitores de Blumenau e Joinville voltam às urnas no domingo
Ver mais de Política