Delivery Much
POLÍTICA

Joice: nossa maior preocupação agora é a MP da reforma administrativa

21 Mai 2019 - 17h46Por Mariana Haubert

A líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), afirmou nesta terça-feira, 21, que a prioridade do governo é aprovar a medida provisória 870, que trata da reforma administrativa que organizou os ministérios da gestão do presidente Jair Bolsonaro. A matéria deverá ser votada nesta quarta-feira, 22.

"Esta MP é a que mais nos preocupa no momento. Tem uma parte dos partidos de centro que acha que poderia até jogar essa medida para a próxima semana, o que não daria tempo. Mas a maioria já optou para que a gente possa liquidar essa fatura já nesta quarta", disse.

De acordo com a deputada, a apresentação de destaques está "na fatura" da articulação do governo, mas para ela, será possível vencer esta etapa e avançar com a medida, que tem prazo até 3 de junho. Se não for aprovada até lá, há a interpretação de que o governo seria obrigado a recriar os ministérios que existiam durante o mandato do ex-presidente Michel Temer. Bolsonaro, ao assumir, reduziu o número de pastas de 29 para 22.

Os pontos que deverão ser discutidos são a transferência do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) do Ministério da Justiça para o Ministério da Economia, mudanças na Receita Federal, demarcações de terras indígenas, entre outros. Joice acredita que a questão do Coaf poderá ser votada nominalmente pelo plenário.

"O que estamos conversando com os partidos é para que os destaques sejam feitos, mas que a gente segure os embates justamente para acelerar. O que a gente quer é votar. Os embates já aconteceram fora do plenário, todo mundo já sabe o que cada um pensa, então vamos votar logo", afirmou Joice.

Segundo a deputada, a expectativa é que a Câmara vote hoje duas medidas provisórias, a que trata da abertura total do setor aéreo para capital estrangeiro e que cria a empresa de navegação aérea Nav Brasil.

Aéreas

Em relação à MP das aéreas, Joice afirmou que o principal ponto de discussão é a determinação para que as bagagens voltem a poder ser despachadas gratuitamente. Este ponto foi incluído pelo relator da proposta, senador Roberto Rocha (PSDB-MA), quando a MP foi analisada em comissão especial. A deputada disse ainda que há alguns deputados que querem apresentar emendas para reduzir o porcentual de capital estrangeiro nas companhias brasileiras. A medida estabeleceu a totalidade do aporte de recursos internacionais.

Em relação à medida provisória que trata de um novo marco para o saneamento básico no País, a líder do governo minimizou uma eventual derrota, caso a medida caduque antes de ser votada. "Esta MP sofre pressão dos governadores. Se não conseguirmos aprová-la, vamos para o plano B", disse, sem detalhar quais seriam as opções do governo para este caso.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Prefeito de Massaranduba, Armindo Sésar Tassi, fala sobre inicio do mandato

Tassi participou ao vivo do Diário da Jaraguá desta sexta-feira (15)
Prefeito de Massaranduba, Armindo Sésar Tassi, fala sobre inicio do mandato
Política

Prefeitura de Jaraguá anuncia novos nomes do primeiro escalão

Os quatro novos integrantes da equipe comandarão as secretarias de Desenvolvimento Econômico, da Transparência e Integridade, e de Desenvolvimento Rural e Agricultura, bem como a Fundação Jaraguaense de Meio Ambiente
Prefeitura de Jaraguá anuncia novos nomes do primeiro escalão
Política

Prefeitura de Guaramirim anuncia secretariado

Os novos secretários municipais começam a atuar a partir da próxima semana.
Prefeitura de Guaramirim anuncia secretariado
Política

Vereadores e assessores terão apresentação institucional da prefeitura de Jaraguá

Áreas como contabilidade, orçamento, licitações estarão sendo apresentadas por servidores municipais, gerando um intercâmbio de informações e esclarecimento necessários para a atuação dos assessores e vereadores
Vereadores e assessores terão apresentação institucional da prefeitura de Jaraguá
Ver mais de Política