Delivery Much
POLÍTICA

Habeas corpus de Queiroz deve ser julgado por desembargador que já negou liminar

22 Mai 2019 - 09h43

O habeas corpus impetrado pela defesa de Fabrício Queiroz para anular a quebra de sigilo fiscal e bancário de 95 pessoas e empresas investigadas no suposto esquema de desvio e lavagem de dinheiro no gabinete de Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) na Assembleia Legislativa do Rio deve ser julgado pelo mesmo desembargador que indeferiu, em abril, liminar impetrada pelo atual senador para suspender a investigação do Ministério Público fluminense.

O habeas corpus ajuizado no dia 17 pelo advogado Paulo Klein, que defende a família de Queiroz, foi distribuído ao desembargador Flávio Horta Fernandes, da 2.ª Câmara Criminal, que declinou da competência. O caso deve ir para o desembargador Antônio Carlos Amado, da 3.ª Câmara Criminal, por prevenção, já ele analisou e indeferiu a liminar de Flávio Bolsonaro em abril. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Maria Rosana assume vaga na Câmara de Guaramirim

Ela assume o cargo de Adilso Comin, que se licenciou para atuar na Secretaria de Agricultura do município.
Maria Rosana assume vaga na Câmara de Guaramirim
Política

Laírton Müller é escolhido como líder do Governo na Câmara de Corupá 

Definição do prefeito Luiz Carlos Tamanini foi anunciada nesta segunda-feira (25)
Laírton Müller é escolhido como líder do Governo na Câmara de Corupá 
Política

Vicente Caropreso pede novos leitos de UTI Covid para Jaraguá do Sul

Em reunião com secretário da Saúde, deputado também articula para que governo dobre repasse de recursos ao Hospital São José e que unidade possa ser referência em cardiologia pelo SUS
Vicente Caropreso pede novos leitos de UTI Covid para Jaraguá do Sul
Política

Vereadores pedem que recursos destinados a nova sede da Câmara sejam devolvidos à Prefeitura

Estava previsto no orçamento municipal de 2021, o montante de R$ 1 milhão para a construção da nova sede
Vereadores pedem que recursos destinados a nova sede da Câmara sejam devolvidos à Prefeitura
Ver mais de Política