dengue
POLÍTICA

Em pronunciamento, Temer diz que deixará a 'casa em ordem'

15 Nov 2018 - 19h57

O presidente Michel Temer classificou a transição para o governo de Jair Bolsonaro como "das mais civilizadas e cordiais", disse que abriu todas as informações do governo à equipe do presidente eleito e afirmou que o novo time vai encontrar as finanças públicas em ordem. As declarações do emedebista foram transmitidas nesta quinta-feira, 15, em rede nacional de rádio e televisão, durante pronunciamento para marcar a passagem da Proclamação da República.

"Abri todas as informações à equipe do presidente eleito, para que possam tomar ciência da real situação do governo em todos os campos", declarou Temer. O presidente disse ainda que a inflação está sob controle, que as exportações vêm crescendo e que agricultura está batendo recordes de produção. "Enfim, é um Brasil completamente diferente daquele que recebi", afirmou, referindo-se à antecessora Dilma Rousseff, cassada pelo Congresso.

Crise

No pronunciamento de pouco mais de três minutos e meio, o emedebista também afirmou que assumiu o governo durante a "mais grave crise econômica da nossa história" e que ainda pretende "trabalhar todos os dias para deixar a casa em ordem". Temer disse desejar que na gestão que se inicia em 1º de janeiro de 2019 o Brasil "cresça e avance ainda mais do que no período em que estive à frente da administração federal". O emedebista afirmou ainda que um eventual sucesso de Bolsonaro à frente do governo federal significaria sucesso de todo o País. "A hora da divisão já passou", concluiu.

O presidente também comemorou os 129 anos da República, que definiu como alternância de governos de tempos em tempos. "É a temporariedade de mandatos. A cada quatro anos, o povo é consultado sobre os destinos do País".

Matérias Relacionadas

Política

Deputada é cassada por pagar tratamento estético com dinheiro público

Cirurgião-dentista diz que recebeu R$ 9 mil pela harmonização facial
Deputada é cassada por pagar tratamento estético com dinheiro público
Política

Quatro prefeitos de SC são presos em operação contra corrupção

Santa Catarina tem 27 prefeitos presos em quatro anos
Quatro prefeitos de SC são presos em operação contra corrupção
Política

Municípios da região de Jaraguá do Sul vão receber R$ 2 milhões em emendas

 Os recursos são fruto de emendas impositivas do deputado Dr. Vicente Caropreso (PSDB) e já estão à disposição das prefeituras
Municípios da região de Jaraguá do Sul vão receber R$ 2 milhões em emendas
Política

Deputado Lunelli destaca ações do primeiro semestre no Legislativo 

Somente neste ano, o parlamentar destinou R$ 16,6 milhões em emendas para diferentes municípios catarinenses
Deputado Lunelli destaca ações do primeiro semestre no Legislativo 
Ver mais de Política