POLÍTICA

Em nota, PT defende que Lula tem direito de ir a enterro do neto

01 Mar 2019 - 16h37Por Gregory Prudenciano

O Partido dos Trabalhadores emitiu nota assinada pela sua presidente nacional, Gleisi Hoffmann, na qual o partido se solidariza com o ex-presidente Lula e sua família, que perderam nesta sexta-feira, 1, Arthur Araújo Lula da Silva, de 7 anos. Arthur era neto do ex-presidente.

A nota retoma a argumentação do partido de que Lula é perseguido político e vítima de uma "farsa judicial". "Lula não merece estar preso, porque provou sua inocência diante de todas as acusações falsas que lhe fizeram. Lula tem o direito de compartilhar com seus familiares, o filho Sandro e a nora Marlene, o luto pela morte do pequeno Arthur", diz a nota.

A defesa do ex-presidente já pediu à juíza Carolina Lebbos, responsável pela execução de sua pena, a liberação de Lula para que ele esteja presente no enterro do neto, que deve acontecer neste sábado (2).

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Com absolvição, Moisés volta ao governo de SC

Por 6 votos a 4, o governador Carlos Moisés da Silva (PSL) foi absolvido da acusação de crime de responsabilidade na compra dos 200 respiradores não entregues pela empresa Veigamed.
Com absolvição, Moisés volta ao governo de SC
Política

Jaraguá do Sul e Guaramirim voltam a tratar da ponte da Zanotti

Prefeitos se reuniram nesta semana e querem definir melhor solução nos próximos 30 dias.
Jaraguá do Sul e Guaramirim voltam a tratar da ponte da Zanotti
Economia

Governo do Estado institui o Auxílio Catarina

Benefício emergencial será destinado a mais de 60 mil famílias em situação de vulnerabilidade social e econômica no estado
Governo do Estado institui o Auxílio Catarina
Política

Lunelli participa de encontro regional do MDB

Em Jaraguá do Sul, o encontro acontece hoje às 19h
Lunelli participa de encontro regional do MDB
Ver mais de Política