POLÍTICA

Bretas determina que Temer fique preso na PF para tratamento igual ao de Lula

21 Mar 2019 - 19h18Por Constança Rezende

O juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, mudou de ideia e determinou que o ex-presidente Michel Temer (MDB) fique preso na Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro, que fica na zona portuária da cidade.

A medida, segundo Bretas, foi tomada para dar tratamento isonômico aos ex-presidentes presos, uma vez que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está custodiado na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba.

Anteriormente, Bretas havia decidido que Temer ficaria na Unidade Prisional da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, em Niterói, na região metropolitana, atendendo a um pedido do Ministério Público Federal. No local, também está preso o ex-governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, do mesmo partido de Temer.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Ex-senador Casildo Maldaner é internado em estado grave em Florianópolis

Político do MDB luta contra um câncer. Ele passou mal de sábado (15) para domingo (16)
Ex-senador Casildo Maldaner é internado em estado grave em Florianópolis
Política

Parentes, amigos e apoiadores se despedem de Bruno Covas

Corpo do prefeito seguiu em cortejo pelo centro da capital paulista
Parentes, amigos e apoiadores se despedem de Bruno Covas
Política

Morre o prefeito de São Paulo, Bruno Covas

Político estava licenciado do cargo e tratava-se no Sírio-Libanês
Morre o prefeito de São Paulo, Bruno Covas
Política

Projeto de lei define limites de bairros em Jaraguá do Sul

Segundo o secretário de Planejamento e Urbanismo, Eduardo Bertoldi, a proposta vai corrigir falhas no limite desses bairros que foram produzidas ao longo do tempo
Projeto de lei define limites de bairros em Jaraguá do Sul
Ver mais de Política