POLÍTICA

Bolsonaro: regimes que violam as liberdades não estarão na posse presidencial

16 Dez 2018 - 20h44

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, afirmou no Twitter na noite deste domingo, 16, que não vai convidar líderes de "regimes que violam as liberdades de seus povos" para a posse dele, em 1º de janeiro.

"Naturalmente, regimes que violam as liberdades de seus povos e atuam abertamente contra o futuro governo do Brasil por afinidade ideológica com o grupo derrotado nas eleições não estarão na posse presidencial em 2019. Defendemos e respeitamos verdadeiramente a democracia", escreveu Bolsonaro na rede social.

Mais cedo, durante caminhada na orla do Rio de Janeiro, o presidente eleito confirmou que o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, e o presidente de Cuba, Miguel Diáz-Canel, não serão convidados para a posse por serem ditadores. A declaração teve a anuência do futuro chanceler, Ernesto Araújo.

Matérias Relacionadas

Geral

Consórcio deve administrar castração de animais, informa vereador

Com o consórcio, todos os municípios da região do Vale do Itapocu vão poder participar.
Geral

Instituto Padre Aloísio recebe reconhecimento de utilidade pública

O Instituto fica na Paróquia Nossa Senhora do Rosário, no bairro Nereu Ramos, e está inserido na rota do turismo religioso catarinense, que, afirma Gadotti, está em crescimento
Instituto Padre Aloísio recebe reconhecimento de utilidade pública
Política

Reunião marca início de implantação do Sistema Legislativo Digital em Jaraguá

O Sistema vai permitir que todo o processo de tramitação dos projetos de lei e de outras matérias na Câmara seja realizado de forma 100% digital.
Reunião marca início de implantação do Sistema Legislativo Digital em Jaraguá
Política

Secretário e deputados discutem aperfeiçoamento do Prodec

A iniciativa visa tornar os benefícios do principal programa de incentivo ao desenvolvimento da indústria mais acessíveis ao investidor
Secretário e deputados discutem aperfeiçoamento do Prodec
Ver mais de Política