Dia internacional das Mulheres
POLÍTICA

Bancada do DEM na Câmara sai em defesa de Maia e repudia ataques virtuais

23 Mar 2019 - 20h41Por Julia Lindner

Em nota, a bancada do DEM na Câmara, formada por 27 deputados, repudiou "qualquer ataque virtual" contra o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e disse que o respeito às instituições e seus representantes é a única saída para a crise. A manifestação ocorre em meio à troca de farpas entre o presidente da Câmara e o presidente Jair Bolsonaro. No texto, os democratas afirmam que Maia tem "capacidade de diálogo", "responsabilidade" e está "empenhado" em fazer o ajuste fiscal e aprovar as reformas econômicas.

"Conhecedores do espírito público, da capacidade de diálogo e da responsabilidade de Rodrigo Maia com o País, os deputados Federais que compõem a bancada do Democratas na Câmara repudiam qualquer ataque virtual ao presidente da Câmara e às instituições democráticas. É público o respeito de Rodrigo Maia aos Poderes constituídos e à hierarquia característica de cada um deles e a busca incessante pela harmonia e independência, preceitos constitucionais", diz a nota assinada pelo líder da bancada, Elmar Nascimento (BA).

"Para os deputados Federais do Democratas, em qualquer contexto, governado por qualquer grupo político, as instituições e o respeito a seus representantes devem prevalecer. Não acreditamos que a saída para a crise possa ser outra", afirmam os democratas em outro trecho.

Além de ter conquistado a presidência na Câmara e no Senado, o Democratas é o único partido com assento no Congresso com três representantes chefiando pastas na Esplanada dos Ministérios - entre eles o principal articulador político do governo, o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

Esta semana, Maia ficou irritado com publicações de um dos filhos do presidente, o vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), e a reação de bolsonaristas contra ele em redes sociais, ameaçando abandonar a articulação para aprovação da reforma da Previdência. Em entrevista ao Estado, publicada neste sábado, Maia disse que "o governo é um deserto de ideias". Bolsonaro por sua vez, afirmou que "perdoa" Maia "pela situação pessoal que ele está vivendo", o que foi interpretado como referência à prisão do sogro do presidente da Câmara, o ex-ministro Moreira Franco.

No texto divulgado hoje, os parlamentares do DEM afirmam que a implementação de "regras duras e necessárias que cortem privilégios dependem de posturas corajosas e de defesas enfáticas" e que Maia é figura central neste cenário. "O mundo real é assim. O virtual aceita ataques que só geram ódio, não o desenvolvimento. A coragem e o diálogo franco, ambos na vida real da política que visa um Brasil melhor, fazem Rodrigo Maia ser reconhecido como uma das figuras centrais neste difícil processo de reconstrução nacional, devolvendo à Câmara, que representa a vontade de cada brasileiro, um papel de protagonismo, necessário ao momento que estamos vivendo."

Os deputados também reforçam que as portas do gabinete de Maia e da residência oficial "sempre estiveram - e estarão - abertas para qualquer corrente política". "À sua mesa, há lugar garantido para todos aqueles que queiram contribuir de forma respeitosa com o ambiente democrático. Sua interlocução com todos é feita de forma direta e franca."

"O Presidente Rodrigo Maia orgulha a nossa bancada e sintetiza com as suas atitudes os valores democráticos que o nosso Partido cultua e defende. Para os deputados Federais do Democratas, em qualquer contexto, governado por qualquer grupo político, as instituições e o respeito a seus representantes devem prevalecer. Não acreditamos que a saída para a crise possa ser outra. A Câmara dos Deputados, sob a liderança de Rodrigo Maia, não se furtará a cumprir o seu papel na história", concluem os deputados na nota.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Projeto que institui "Parada Segura" em Jaraguá passa por 1a votação 

Com a Parada Segura, mulheres, pessoas com deficiência e idosos terão a possibilidade de descer do ônibus perto da residência ou em um local que se sentirem seguros
Projeto que institui "Parada Segura" em Jaraguá passa por 1a votação 
Saúde

Ministro da Saúde visita região Oeste de Santa Catarina nesta sexta

Eduardo Pazuello participa de compromissos com autoridades municipais e estaduais sobre ações de enfrentamento à pandemia de Covid-19 na região
Ministro da Saúde visita região Oeste de Santa Catarina nesta sexta
Política

Vereadora propõe atualização da Tarifa Social do Samae 

Hoje o desconto é de R$ 4,50. 
Vereadora propõe atualização da Tarifa Social do Samae 
Saúde

Covid-19: Lunelli busca estratégia conjunta com municípios do Norte de SC

Prefeito de Jaraguá do Sul conversou com representantes da Amunesc e Amvali 
Covid-19: Lunelli busca estratégia conjunta com municípios do Norte de SC
Ver mais de Política