Corupá

Nova etapa da vacinação contra gripe começa na quinta-feira em Corupá

Doentes crônicos, caminhoneiros e motoristas de transporte coletivo poderão se imunizar

13 Abr 2020 - 13h16Por Da Redação
Nova etapa da vacinação contra gripe começa na quinta-feira em Corupá - Crédito: Divulgação / Prefeitura de Corupá Crédito: Divulgação / Prefeitura de Corupá

Inicia na próxima quinta-feira, 16 de abril, a segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe. Corupá também começa a imunizar portadores de doenças crônicas, profissionais de segurança e salvamento, além de motoristas de transporte coletivo que morem na cidade.

A vacinação será realizada diretamente nas Unidades Básicas de Saúde (UBS). Não haverá aplicação em locais alternativos neste momento, informa a Secretaria Municipal de Saúde. O atendimento ocorre nos quatro postos de saúde da cidade, das 8h às 11h15, e das 12h30 às 16h, de segunda a sexta-feira.

Para entrar na unidade de saúde, é imprescindível o uso de máscara de tecido. Não será permitida também a entrada de acompanhantes, a não ser em casos de que a pessoa não tenha condições de ficar ou andar sozinha.

Corupá deve imunizar cerca de 1.330 pessoas com doenças crônicas nesta etapa. Elas devem procurar diretamente seu posto de saúde de referência (o mais perto de sua casa). Os agentes de Saúde possuem no local o histórico de doença crônica do paciente, e que habilita o morador a ser vacinado. É interessante levar, se possível, uma receita de algum medicamento para comprovar a comorbidade.

Aos demais beneficiados nesta etapa da imunização, deve-se levar documento que comprove a profissão de motorista ou de agente de segurança. O Município não tem população prisional – que também faz parte desta segunda fase da campanha.

Três etapas de vacinação

O Ministério da Saúde criou três etapas para a vacinação contra a gripe no país. A primeira fase encerrou-se na semana passada, quando idosos com 60 anos ou mais foram vacinados. Corupá atingiu 99% da meta para este público e 100% de profissionais da Saúde. Os idosos que, por acaso, não se vacinaram contra a gripe, devem agora procurar seu posto de saúde de referência.

Em maio, ocorre ainda o Dia D da Vacinação e será iniciada a imunização em crianças e gestantes.

Confira as etapas para vacinação contra a Influenza:

1ª fase - a partir do dia 23 de março: idosos com 60 anos ou mais e trabalhadores da saúde;

2ª fase – a partir de 16 de abril: profissionais das forças de segurança e salvamento, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade, caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários;

3ª fase - a partir do dia 9 de maio: professores de escolas públicas e privadas, crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), povos indígenas, adultos de 55 a 59 anos de idade e pessoas com deficiência física, visual, auditiva, múltipla, intelectual e mental.

Lista de doenças crônicas do calendário de vacinação de 2020:

Doença respiratória crônica: Asma em uso de corticóide inalatório ou sistêmico (Moderada ou Grave); Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC); Bronquiectasia; Fibrose Cística; Doenças Intersticiais do pulmão; Displasia broncopulmonar; Hipertensão Arterial Pulmonar; Crianças com doença pulmonar crônica da prematuridade.

Doença cardíaca crônica: Doença cardíaca congênita; Hipertensão arterial sistêmica com comorbidade; Doença cardíaca isquêmica; Insuficiência cardíaca.

Doença renal crônica: Doença renal nos estágios 3, 4 e 5; Síndrome nefrótica; Paciente em diálise.

Doença hepática: crônica Atresia biliar; Hepatites crônicas; Cirrose.

Doença neurológica crônica: Condições em que a função respiratória pode estar comprometida pela doença neurológica; considerar as necessidades clínicas individuais dos pacientes incluindo: Acidente Vascular Cerebral, Indivíduos com paralisia cerebral, esclerose múltipla, e condições similares; Doenças hereditárias e degenerativas do sistema nervoso ou muscular; Deficiência neurológica grave.

Diabetes: Diabetes Mellitus tipo I e tipo II em uso de medicamentos.

Imunossupressão: Imunodeficiência congênita ou adquirida Imunossupressão por doenças ou medicamentos.

Obesos: Obesidade grau III.

Transplantados: Órgãos sólidos; Medula óssea.

Portadores de trissomias: Síndrome de Down, Síndrome de Klinefelter, Sídrome de Wakany, dentre outras trissomias.

FONTE: Ministério da Saúde

Endereço das Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Corupá:

UBS Centro: Rua Nereu Ramos, 401, Centro.

UBS Seminário: Rua 1° de Maio, 237, Seminário.

UBS Vila Isabel: Rua Carlos Rutzen, 75, Vila Isabel.

UBS XV de Novembro: Rua XV de Novembro, 635, Centro.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp! 

Matérias Relacionadas

Geral

1° Festival Cultural do Vale do Itapocu está com inscrições abertas

Até o dia 20 de agosto, os candidatos podem se inscrever gratuitamente, no local designado por cada município participante do Festival: Barra Velha, Corupá, Guaramirim, Massaranduba, São João do Itaperiú e Schroeder
1° Festival Cultural do Vale do Itapocu está com inscrições abertas
Segurança

Mais de 80 carros são removidos ao pátio na operação "Documento Legal" na região

Operação que iniciou no dia 15 de julho segue em toda a região
Mais de 80 carros são removidos ao pátio na operação "Documento Legal" na região
Geral

Livro "No Vale das Cachoeiras" é apresentado durante sessão na Câmara de Corupá

A jornalista e professora Darci Rutsatz usou o Espaço Tribuna Livre, exibiu slides com a história do parque desde a sua fundação e presenteou os vereadores com um exemplar do livro
Livro "No Vale das Cachoeiras" é apresentado durante sessão na Câmara de Corupá
Saúde

Região de Jaraguá do Sul segue em risco gravíssimo para a covid-19

Mapa de Risco, atualizado pelo Governo do Estado, aponta nove regiões em estado grave (cor laranja) e outras sete em nível gravíssimo (cor vermelha).
Região de Jaraguá do Sul segue em risco gravíssimo para a covid-19
Ver mais de Corupá