dengue
INTERNACIONAL

Trump diz que EUA precisam de Congresso republicano para apoiar economia

05 Nov 2018 - 18h57Por Victor Rezende

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a defender votos em candidatos republicanos nas eleições de meio de mandato americanas desta terça-feira e disse que é necessário um Congresso republicano para que a economia continue crescendo. "Criamos a melhor economia da nossa história e o mercado de trabalho 'mais quente' de todos. Enquanto o mundo fala em desaceleração, aqui a economia está se expandindo. Mas se os democratas vencerem, eles virão com uma bola de demolição contra a nossa economia", comentou Trump, utilizando um tom alarmista em sua fala.

Durante comício em Cleveland, Ohio, Trump afirmou que um voto para os democratas é um voto a favor do "retorno do pesadelo à nossa economia". Ele disse, ainda, que os democratas estão apoiando a caravana de imigrantes que se encaminha para os EUA, mas garantiu que, para não deixar esses imigrantes passarem, estará "o nosso grande muro, que já começou a ser construído". Além disso, Trump fez comentários negativos sobre alguns líderes democratas, como a líder da oposição na Câmara, Nancy Pelosi (Califórnia), e o líder democrata no Senado, Chuck Schumer (Nova York), a quem Trump chamou de "chorão".

Matérias Relacionadas

Esportes

Brasil bate o Chile no último amistoso de vôlei em Jaraguá do Sul

Mais uma vez, a torcida lotou a Arena Jaraguá
Brasil bate o Chile no último amistoso de vôlei em Jaraguá do Sul
Esportes

Seleção brasileira de vôlei vence amistoso contra Argentina na Arena Jaraguá

O Brasil já volta a quadra nesta quinta-feira (20) para o último amistoso em Jaraguá do Sul, diante do Chile, às 19h30
Seleção brasileira de vôlei vence amistoso contra Argentina na Arena Jaraguá
Saúde

Coqueluche volta a preocupar o mundo

Número de casos aumenta no Brasil e em 17 países europeus
Coqueluche volta a preocupar o mundo
Economia

Copom decide nesta quarta se corta ou mantém juros básicos da economia

Taxa Selic, em 10,5% ao ano, pode ser mantida ou cair 0,25 ponto
Copom decide nesta quarta se corta ou mantém juros básicos da economia
Ver mais de Mundo