INTERNACIONAL

Senado dos EUA obtém votos para rejeitar declaração de emergência de Trump

03 Mar 2019 - 20h11

Oponentes à declaração do presidente dos EUA, Donald Trump, de emergência nacional na fronteira dos EUA com o México parecem ter obtido votos suficientes no Senado para rejeitar sua decisão, agora que o republicano Rand Paul de Kentucky disse que não pode estar ao lado da Casa Branca.

Três outros senadores republicanos já tinham anunciado que votarão "não": Susan Collins de Maine, Lisa Murkowski do Alasca e Thom Tillis da Carolina do Norte.

Paul é o quarto, e assumindo que todos os 47 democratas e seus independentes
aliados vão contra Trump, daria aos adversários 51 votos - a maioria necessária.

Na terça-feira (26), a Câmara dos Representantes - controlada por democratas - aprovou medida que barra a declaração de emergência de Trump. A medida, no entanto, ainda que rejeitada pelo Senado, seguirá para Trump, que já prometeu vetar.

No dia 15 de fevereiro, Trump declarou emergência nacional - ação que dá ao presidente o poder de remanejar recursos do orçamento, para financiar o muro que ele quer construir na fronteira com o México.

Se a medida que barra a declaração for aprovada no Senado poderá ser o início de uma briga que poderá provocar o primeiro veto do presidente. Isso porque o Congresso não teria os dois terços necessários em cada Casa para anular o veto presidencial - para isso, seriam necessários 290 deputados e 67 senadores.

Com a declaração de emergência, o republicano teria acesso a cerca de US$ 8 bilhões para reforçar a fronteira com o México. Fonte: Associated Press

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Espanha vai doar medicamentos do kit intubação ao Brasil

Insumos chegarão no final da próxima semana
Segurança

Tiroteio em Indianapolis deixa oito mortos e vários feridos

Incidente ocorreu em um armazém da FedExc, empresa de carga aérea
Saúde

Brasil recebe 2,3 milhões de kits de intubação vindos da China

Insumos foram comprados por grupo de empresas e serão doados ao SUS
Brasil recebe 2,3 milhões de kits de intubação vindos da China
Economia

Dólar cai pelo terceiro dia seguido e aproxima-se de R$ 5,60

lsa de valores tem leve alta, com realização de lucros
Ver mais de Mundo