Delivery Much
INTERNACIONAL

Secretário de Defesa do Reino Unido demitido nega envolvimento em caso de Huawei

01 Mai 2019 - 18h28Por AE

O ex-secretário de Defesa do Reino Unido, Gavin Williamson, demitido nesta manhã por supostamente vazar informações sigilosas sobre a fabricante de equipamentos de telecomunicações chinesa Huawei após reunião para implementação da rede 5G no país, publicou em seu perfil no Twitter uma carta negando seu envolvimento no caso.

Williamson afirma estar confiante de que uma investigação formal e completa irá inocentá-lo. Também agradeceu pela possibilidade dada a ele de se demitir, mas afirmou que "renunciar seria aceitar que eu, meus funcionários públicos, meus assessores militares ou minha equipe são responsáveis: não é o caso".

Na carta enviada a Williamson, a primeira-ministra britânica, Theresa May, disse não poder mais "ter plena confiança" nele após a investigação. May também informou a Williamson haver "provas convincentes" sugerindo sua "responsabilidade pela divulgação não autorizada" do Conselho de Segurança Nacional. A decisão do governo de usar a Huawei em algumas partes da rede 5G do país, após uma reunião do Conselho de Segurança Nacional, vazou para a imprensa na semana passada. Fonte: Associated Press.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Vulcão Etna entra em erupção na Itália

Fenômeno foi visível na parte leste da Sicília
Saúde

Variante britânica do novo coronavírus é detectada em 60 países

Informação é da Organização Mundial da Saúde
Política

Joe Biden toma posse como presidente dos EUA em evento virtual

Pandemia e ataque ao Capitólio esvaziaram cerimônia
Economia

Bancos Inter, Itaú e Caixa lideram ranking de reclamações ao BC

São consideradas instituições com mais de 4 milhões de clientes
Ver mais de Mundo