Delivery Much
INTERNACIONAL

Premiê Modi consegue reeleição e sai da disputa com mais força política na Índia

23 Mai 2019 - 06h57

O primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, conseguiu seguir no poder e sair de eleições com força política, o que lhe dará margem para buscar uma agenda ambiciosa internamente e no exterior. Com quase todos os votos computados, estimativas de televisões locais e a contagem oficial do governo mostram nesta quinta-feira que o partido governista BJP e seus aliados devem ficar com mais de 340 cadeiras, o suficiente para ter maioria na Câmara dos Deputados, que tem 543 vagas. O Partido do Congresso, o principal da oposição, deve levar menos de 100 cadeiras.

A eleição foi a maior na história da democracia, com quase 600 milhões de eleitores, e considerada um referendo sobre Modi e suas políticas. O resultado foi visto como um voto de confiança no premiê e em seu partido, o Bharatiya Janata (BJP, na sigla em inglês). Muitos acreditam que agora Modi usará esse momento para fazer mudanças econômicas duras, como relaxar regras de contratação e demissão de empregados. Outros ainda temem que Modi concentrará mais poder.

Uma coalizão de partidos oposicionistas foi formada para tentar derrotar o BJP. Os rivais argumentavam que o país não havia crescido o prometido pelo premiê e que houve uma crise no mercado de trabalho com a retirada de circulação de cédulas de rupia, em uma tentativa oficial para combater a corrupção. Fonte: Dow Jones Newswires.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Governo do Estado acompanha ato de entrega das vacinas contra a Covid-19 nesta segunda-feira

No domingo (17), os cinco diretores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovaram por unanimidade o uso emergencial da CoronaVac e da vacina de Oxford contra a Covid-19
Governo do Estado acompanha ato de entrega das vacinas contra a Covid-19 nesta segunda-feira
Saúde

Anvisa devolve pedido de uso emergencial da Sputnik

Vacina é fabricada pela Rússia
Saúde

Por unanimidade, Anvisa aprova uso emergencial de vacinas contra covid

Decisão depende de publicação para entrar em vigor
Por unanimidade, Anvisa aprova uso emergencial de vacinas contra covid
Esportes

Final da Libertadores faz CBF mudar jogos de Palmeiras e Santos

Equipes atuariam no Brasileiro um dia após final continental
Ver mais de Mundo