Campanha Sarampo
Mundo

País compra últimos elefantes de circo para que possam se aposentar

Os elefantes, Ramboline, Lara, Djunga e Jenny, foram comprados de dois circos diferentes

14 Set 2019 - 15h00Por Da Redação
País compra últimos elefantes de circo para que possam se aposentar - Crédito: Reprodução / Egon Zitter Crédito: Reprodução / Egon Zitter

O governo da Dinamarca comprou os últimos elefantes de circo do país para que eles possam se aposentar e viver em paz pelo resto de suas vidas.

O governo pagou por ele US $ 1,6 milhão – mais de R$ 6,4 milhões – e antecipou para este ano a proibição do uso de animais selvagens em circos.

Os elefantes, Ramboline, Lara, Djunga e Jenny, foram comprados de dois circos diferentes.
 
A Animal Protection Denmark cuidará dos animais até que eles encontrem um lar permanente.

A compra ocorre pouco tempo depois de o governo do Reino Unido aprovar a proibição de animais silvestres em apresentações circenses, em maio.

Outro circo na Alemanha ganhou as manchetes em junho, depois de se tornar o primeiro a usar animais holográficos em seu show.

Os Estados Unidos também se aproximaram da proibição do uso de animais de circo depois que Nova Jersey e Havaí se tornaram os primeiros estados a emitir legislação contra a prática notoriamente desumana, em dezembro de 2018.

Embora já exista legislação em 145 localidades dos EUA, com limitações e restrições ao desempenho dos animais, as medidas pioneiras de Nova Jersey e do Havaí proíbem o uso de qualquer espécie de animal selvagem, incluindo elefantes, tigres, leões, ursos e primatas, em circos e shows de viagem.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp!

Matérias Relacionadas

Variedades

Coca-Cola fabrica 1ª garrafa com plástico recolhido do mar

O lixo marinho é recolhido por meio do projeto Mares Circulares realizado em Portugal e na Espanha que conscientiza sobre a importância da limpeza de costas, praias e o fundo do mar
Coca-Cola fabrica 1ª garrafa com plástico recolhido do mar
Mundo

Pela primeira vez, China consegue cultivar planta na lua

A Change-4 foi a primeira nave a explorar o lado escuro da lua e ainda levou na sua carga uma mini-biosfera de 2,5 kg chamada Micro Ecossistema Lunar
Pela primeira vez, China consegue cultivar planta na lua
Saúde

Japoneses criam sangue artificial capaz de ser doador universal

O sangue artificial pode tornar as transfusões de sangue drasticamente mais acessíveis
Japoneses criam sangue artificial capaz de ser doador universal
Saúde

Mãe que perdeu bebê doa leite materno para ajudar outras crianças

Eu sabia que não poderia salvar a vida dela, mas pelo menos poderia ajudar a salvar a vida de outros bebês, disse Alexis
Mãe que perdeu bebê doa leite materno para ajudar outras crianças
Ver mais de Mundo