Joaçaba Pneus
INTERNACIONAL

Otan diz que não deseja nova Guerra Fria

01 Mar 2019 - 11h06

O secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), Jens Stoltenberg, alertou nesta sexta-feira que a violação por parte da Rússia do Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário (INF, na sigla em inglês) é um dos maiores desafios de segurança para a aliança. Stoltenberg pediu que a Rússia volte a cumprir o acordo, que tem sido a pedra angular do controle de armas por décadas.

Depois de conversar com o primeiro-ministro da Bulgária, Boyko Borissov, Stoltenberg disse, em Sofia, que "a Otan não deseja uma nova Guerra Fria, não queremos uma nova corrida armamentista e pedimos à Rússia que volte ao cumprimento do Tratado INF". Além disso, ele acrescentou que, ao mesmo tempo, a Otan precisa estar preparada para um mundo em que o acordo não exista e que contenha mais mísseis russos. Fonte: Associated Press.

Matérias Relacionadas

Saúde

G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022

Compromisso consta em documento final da reunião de líderes do grupo
G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022
Esportes

Brasil abre Copa América com boa vitória sobre a Venezuela

Seleção faz 3 a 0 com gols de Marquinhos, Neymar e Gabriel Barbosa
Brasil abre Copa América com boa vitória sobre a Venezuela
Saúde

Anvisa autoriza vacina da Pfizer para crianças a partir de 12 anos

Estudos foram desenvolvidos fora do Brasil e avaliados pela agência
Anvisa autoriza vacina da Pfizer para crianças a partir de 12 anos
Esportes

Em nota, jogadores da seleção criticam Copa América, mas negam boicote

Texto foi publicado nas redes sociais após vitória contra o Paraguai
Em nota, jogadores da seleção criticam Copa América, mas negam boicote
Ver mais de Mundo