INTERNACIONAL

Na Colômbia, líder de dissidência das Farc é morto na selva

23 Dez 2018 - 07h43

Um dos principais dissidentes das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, Walther Patricio Arizala, o Guacho, foi morto na sexta-feira, dia 21, em uma operação colombiana na fronteira com o Equador. A frente dissidente Óliver Sinisterra, dirigida por Guacho, pratica sequestros e assassinatos e é suspeita de ser um braço do mexicano Cartel de Sinaloa. O grupo é o principal suspeito de ter sequestrado e assassinado em abril três integrantes de uma equipe de reportagem do jornal equatoriano "El Comercio". As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Matérias Relacionadas

Saúde

Estados Unidos doam 3 milhões de doses da Janssen para o Brasil

Previsão é que lote chegue ao país na sexta-feira
Estados Unidos doam 3 milhões de doses da Janssen para o Brasil
Geral

Bonita por natureza

Assim é a morada do casal de atores Thaila Ayala e Renato Goés: integrada ao verde e com direito a cachoeira natural na área externa, combinação perfeita que inspirou esta curadoria Westwing
Bonita por natureza
Geral

Inverno começa nesta segunda-feira no Hemisfério Sul

Estação se estenderá até 22 de setembro
Inverno começa nesta segunda-feira no Hemisfério Sul
Saúde

G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022

Compromisso consta em documento final da reunião de líderes do grupo
G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022
Ver mais de Mundo