Delivery Much
INTERNACIONAL

Mulher é condenada a um ano de prisão no Irã por tirar o véu em público

14 Abr 2019 - 17h00

Uma iraniana que tirou o hijab para protestar contra a lei que obriga as mulheres a se cobrirem em público foi condenada a um ano de prisão, anunciou neste domingo, 14, o advogado dela, Payam Derafshan.

Vida Movahedi foi presa em outubro, depois de tirar o hijab em uma praça de Teerã, informou Derafshan. A jovem foi acusada de "fomentar a corrupção e a libertinagem", e condenada por um tribunal de Teerã a um ano de prisão no dia 2 de março.

Segundo o advogado, Vida manifestou sua oposição ao uso obrigatório do hijab e queria expressar sua opinião "em um protesto civil". Ela já havia organizado protestos contra a lei. Em dezembro de 2017, foi multada após subir em uma caixa em uma avenida e levantar o véu.

O véu é obrigatório no Irã desde o triunfo da Revolução Islâmica de 1979, que instaurou no país um regime teocrático que impôs uma série de restrições, como a segregação de gênero e a proibição do consumo de álcool. / COM AGÊNCIAS INTERNACIONAIS

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Biden vai pedir quarentena a passageiros internacionais

Ele pediu ainda o uso de máscaras em transportes entre os estados
Saúde

Weg integra grupo que fará doação para nova usina de oxigênio ao Amazonas

O grupo fará uma doação para o programa Unidos Contra a Covid-19 no valor de R$ 1,6 milhão, referente a uma usina de produção de oxigênio, que deverá dar suporte aos hospitais públicos da região
Weg integra grupo que fará doação para nova usina de oxigênio ao Amazonas
Saúde

Vacinas da Índia devem chegar no fim da tarde de amanhã no Rio

Foram contratadas duas milhões de doses
Vacinas da Índia devem chegar no fim da tarde de amanhã no Rio
Saúde

Covid-19: Índia vai exportar doses de vacina para Brasil nesta sexta

Covid-19: Índia vai exportar doses de vacina para Brasil nesta sexta
Ver mais de Mundo