INTERNACIONAL

Morre bebê de britânica que se juntou ao EI

09 Mar 2019 - 06h17

O bebê de Shamima Begum, a jovem britânica que aos 15 anos fugiu para se juntar ao Estado Islâmico, morreu na Síria, confirmou ontem o porta-voz das forças que combatem os jihadistas.

O porta-voz não deu detalhes sobre a morte do bebê da jovem de 19 anos, de quem o governo britânico retirou a nacionalidade por "questão de segurança".

Shamima deu à luz seu terceiro filho em um campo de refugiados no norte da Síria depois de fugir do último reduto do EI. As outras crianças morreram por doenças. (Com agências internacionais)

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Diretoria da Anvisa rejeita importação e uso da Sputnik V

Compra da vacina foi solicitada por estados e municípios
Diretoria da Anvisa rejeita importação e uso da Sputnik V
Saúde

Anvisa avalia pedidos de importação da vacina Sputnik V

Reunião extraordinária está marcada para as 18h
Esportes

Eliminatórias da Copa do Mundo serão retomadas em junho, diz Conmebol

Jogos ocorrerão antes de 13 de junho, quando começa a Copa América
Eliminatórias da Copa do Mundo serão retomadas em junho, diz Conmebol
Economia

Renault, WEG e EDP fazem parceria para expandir estações de recarga para veículos elétricos

A WEG fornecerá as estações de recarga para veículos elétricos e a EDP será responsável pelas vistorias e pela instalação dos equipamentos
Renault, WEG e EDP fazem parceria para expandir estações de recarga para veículos elétricos
Ver mais de Mundo