transito
INTERNACIONAL

Ministro renuncia por divergência no Brexit e pede plebiscito no Reino Unido

09 Nov 2018 - 15h25

O ministro do Transporte do Reino Unido, Jo Johnson, pediu demissão nesta sexta-feira em protesto contra o plano da premiê Theresa May para a saída do país da União Europeia, o chamado Brexit. O político ainda pediu que se realize um segundo plebiscito sobre se o país deve ou não deixar o bloco.

Irmão mais novo do ex-ministro das Relações Exteriores Boris Johnson, afirmou que a acordo de retirada discutido entre as duas partes enfraqueceria o país e exigiria que ele seguisse regras da UE, sem ter poder. A última alternativa sobre a mesa, segundo ele, é uma saída sem acordo, o que seria bastante prejudicial, complementou. Para ele, o acordo que está sendo finalizado "é um erro terrível". Nesse contexto, ele disse que seria justo dar ao povo britânico a chance de votar de novo por causa do modo como as negociações evoluem.

A saída do ministro e seu pedido por uma votação popular complicam as coisas para May, no momento em que ela busca fechar um acordo e precisa conseguir apoio de seu gabinete e do Parlamento. Fonte: Associated Press.

Matérias Relacionadas

Esportes

Brasil bate o Chile no último amistoso de vôlei em Jaraguá do Sul

Mais uma vez, a torcida lotou a Arena Jaraguá
Brasil bate o Chile no último amistoso de vôlei em Jaraguá do Sul
Esportes

Seleção brasileira de vôlei vence amistoso contra Argentina na Arena Jaraguá

O Brasil já volta a quadra nesta quinta-feira (20) para o último amistoso em Jaraguá do Sul, diante do Chile, às 19h30
Seleção brasileira de vôlei vence amistoso contra Argentina na Arena Jaraguá
Saúde

Coqueluche volta a preocupar o mundo

Número de casos aumenta no Brasil e em 17 países europeus
Coqueluche volta a preocupar o mundo
Economia

Copom decide nesta quarta se corta ou mantém juros básicos da economia

Taxa Selic, em 10,5% ao ano, pode ser mantida ou cair 0,25 ponto
Copom decide nesta quarta se corta ou mantém juros básicos da economia
Ver mais de Mundo