Dia internacional das Mulheres
INTERNACIONAL

Militares negociam com Guaidó, diz Bolton

11 Mar 2019 - 09h51

O Conselheiro de Segurança Nacional da Casa Branca, John Bolton, disse neste domingo, 10, que militares venezuelanos têm conversado com membros da Assembleia Nacional sobre como agir para apoiar a oposição.

Bolton não previu o impeachment do presidente Nicolás Maduro, mas considerou que a dinâmica do momento é favorável a Juan Guaidó, o líder parlamentar reconhecido por mais de 50 países como presidente interino da Venezuela.

"Existem incontáveis conversas entre membros da Assembleia Nacional e membros das Forças Armadas na Venezuela - base do poder de Maduro - sobre o que poderia acontecer e como eles poderiam se mover para apoiar a oposição", disse Bolton em uma entrevista ao programa This Week, da ABC.

Suas declarações chegam um dia depois de milhares de pessoas tomarem as ruas de Caracas para protestar contra o governo venezuelano, em meio a um apagão em massa que deixou a capital e grande parte do país sem eletricidade desde quinta-feira.

No domingo, Guaidó anunciou que pedirá nesta segunda-feira, 11, ao Parlamento que declare "estado de alerta" na Venezuela, em função do apagão. O objetivo, segundo ele, é pedir ajuda internacional.

A crise energética se transformou em uma nova queda de braço entre Maduro e Guaidó. Maduro denunciou "ataques eletromagnéticos" ao "cérebro" da Hidrelétrica de Guri. Guaidó responsabiliza o governo por falta de investimentos e de manutenção, assim como pela corrupção.

Vídeo

No domingo, o New York Times publicou reportagem afirmando que um coquetel molotov lançado por um manifestante oposicionista encapuzado foi a causa do incêndio em caminhos com remédios e comida que estavam em uma caravana de ajuda internacional que tentaram entrar no país, no mês passado.

O jornal diz ter tido acesso a gravações inéditas que permitiram a reconstrução do incidente. "É possível observar o lançamento de uma bomba caseira, feita com uma garrafa, contra a polícia, que estava bloqueando uma ponte. No entanto, o pano usado para acender o coquetel molotov se separou da garrafa, voando em direção ao caminhão de primeiros socorros". (Com agências internacionais).

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Senado aprova MP que autoriza crédito de R$ 2,5 bi para Covax Facility

A estimativa é que o Brasil obtenha 10,6 milhões de doses
Saúde

Pesquisadores desenvolvem máscara que inativa coronavírus

A ação do equipamento é devida à presença de um nanofilme de quitosana, na camada intermediária da máscara, substância derivada da casca do camarão
Saúde

Biden determina que estados priorizem vacinação de professores

Pediu ainda que os estados apliquem pelo menos uma dose de imunizante em cada educador até o fim de março.
Economia

Preços de gasolina, diesel e gás aumentam hoje nas refinarias

Litro da gasolina ficou R$ 0,12 mais caro (4,8%)
Preços de gasolina, diesel e gás aumentam hoje nas refinarias
Ver mais de Mundo