Joaçaba Pneus
INTERNACIONAL

Governo da Alemanha prevê redução de pedidos de asilo em 2018

16 Dez 2018 - 12h44Por Associated Press

O governo da Alemanha está prevendo um declínio notável nos pedidos de asilo em 2018, já contando com todos os bebês de migrantes recém-chegados ao país. A edição deste domingo do Bild traz um relatório preliminar obtido pelo jornal que aponta que cerca de 166 mil pedidos de asilo terão sido protocolados até o fim do ano, incluindo 30 mil bebês.

Se confirmada a cifra, ela ficará abaixo dos 198.317 pedidos em 2017 e, também, da meta do governo de um máximo de 220 mil pedidos anuais.

Mais de um milhão de solicitantes de asilo entraram na Alemanha em 2015 e 2016, a maioria buscando refúgio da violência na Síria, no Iraque e no Afeganistão. Desde então, o fluxo migratório desacelerou significativamente.

Segundo a principal associação alemã de empregadores, a integração de imigrantes à força de trabalho do país está andando mais rapidamente do que o esperado, com 400 mil já trabalhando ou sob treinamento.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022

Compromisso consta em documento final da reunião de líderes do grupo
G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022
Esportes

Brasil abre Copa América com boa vitória sobre a Venezuela

Seleção faz 3 a 0 com gols de Marquinhos, Neymar e Gabriel Barbosa
Brasil abre Copa América com boa vitória sobre a Venezuela
Saúde

Anvisa autoriza vacina da Pfizer para crianças a partir de 12 anos

Estudos foram desenvolvidos fora do Brasil e avaliados pela agência
Anvisa autoriza vacina da Pfizer para crianças a partir de 12 anos
Esportes

Em nota, jogadores da seleção criticam Copa América, mas negam boicote

Texto foi publicado nas redes sociais após vitória contra o Paraguai
Em nota, jogadores da seleção criticam Copa América, mas negam boicote
Ver mais de Mundo