maio amarelo
INTERNACIONAL

Fronteira terrestre com Brasil ficará fechada a partir das 20h, diz Maduro

21 Fev 2019 - 16h04Por Gabriel Bueno da Costa

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, afirmou nesta quinta-feira que a fronteira terrestre entre o país e o Brasil ficará fechada a partir das 20h de hoje (hora local, ou 21h de Brasília). Segundo ele, a medida é uma resposta a "provocações" externas, como a tentativa de enviar ajuda humanitária a partir de Colômbia e Brasil. Em sua fala, ele não fez referência ao envio de energia venezuelana ao País.

Maduro qualifica o envio dessa ajuda como um estratagema para enfraquecê-lo e derrubá-lo, em prol do líder oposicionista Juan Guaidó. Em reunião com o comando militar, veiculada na televisão estatal, o presidente afirmou que tem um plano de envio permanente de militares a várias regiões, sem especificá-las.

Além disso, criticou o presidente americano, Donald Trump, ressaltando que ele não é o comandante das Forças Armadas venezuelanas e portanto não pode ditar ordenas a ela.

Em sua fala, Maduro disse ainda que avalia o fechamento da fronteira com a Colômbia, pelo mesmo motivo, o que disse que não gostaria de fazer.

Matérias Relacionadas

Geral

Confira as previsões do horóscopo para hoje

Saiba o que os astros reservam para você no amor, vida profissional e viagens
Confira as previsões do horóscopo para hoje
Geral

Confira as previsões do horóscopo para hoje

Saiba o que os astros reservam para você no amor, vida profissional e viagens
Confira as previsões do horóscopo para hoje
Saúde

Apple Vision Pro é usado em cirurgia ortopédica em Jaraguá do Sul

Confira como foi a cirurgia
Apple Vision Pro é usado em cirurgia ortopédica em Jaraguá do Sul
Esportes

Chapecoense é condenada a pagar pensão até 2049 para família de chefe de segurança morto em acidente

Tribunal Superior do Trabalho determinou ainda que mulher e filhos sejam indenizados em R$ 600 mil. Ex-funcionário estava no voo da delegação do clube que matou 71 pessoas.
Chapecoense é condenada a pagar pensão até 2049 para família de chefe de segurança morto em acidente
Ver mais de Mundo