dengue
INTERNACIONAL

Evo Morales faz viagem não programada para Cuba por motivos de saúde

10 Fev 2020 - 16h47

O ex-presidente da Bolívia Evo Morales deixou Buenos Aires na madrugada desta segunda-feira, 10, com destino a Cuba por motivos de saúde, e retornará no próximo fim de semana à Argentina.

"O ex-presidente Evo Morales fez uma viagem não programada na noite passada a Cuba por razões de saúde. Seu retorno está marcado para este fim de semana, a fim de cumprir a agenda programada", diz o comunicado divulgado pela assessoria de imprensa de Evo Morales.

O presidente argentino, Alberto Fernández, também confirmou a viagem do boliviano. "Então, me disseram que parecia que estava passando por tratamento de alguma coisa e teria de viajar. Ele tinha falado dias atrás comigo", disse Fernández à Rádio Continental, de Buenos Aires, quando questionado sobre a viagem de Evo a Havana. O presidente destacou que "nada o impede, como refugiado político, de viajar para Cuba".

Evo foi submetido a uma cirurgia de laringe em Cuba em abril de 2017, quando removeu um tumor benigno da corda vocal esquerda.

Evo ficou no poder na Bolívia entre 2006 e 2019. No ano passado, após vencer eleição que foi considerada fraudada pela oposição, foi alvo de protestos e da pressão de parte das forças de segurança, acabando por renunciar à presidência. Ameaçado, fugiu do país, passou pelo México e, posteriormente, passou a viver na Argentina. Agora, tenta se candidatar ao Senado boliviano.

Segundo o jornal boliviano El Deber, Evo está entre as candidaturas "observadas" pelo Tribunal Superior Eleitoral, o que significa que ele deverá entregar mais informações solicitadas pelo órgão, correndo o risco de ter seu nome impugnado nas urnas.

O candidato à presidência do partido de Evo - Movimento ao Socialismo (MAS) -, Luis Arce, é alvo do mesmo procedimento, com isso o MAS poderia não ter candidato ao comando do país na disputa marcada para 3 de maio. A sigla diz ser perseguida pelos oposicionistas, após a queda de Evo. (Com agências internacionais)

Matérias Relacionadas

Esportes

Chapecoense é condenada a pagar pensão até 2049 para família de chefe de segurança morto em acidente

Tribunal Superior do Trabalho determinou ainda que mulher e filhos sejam indenizados em R$ 600 mil. Ex-funcionário estava no voo da delegação do clube que matou 71 pessoas.
Chapecoense é condenada a pagar pensão até 2049 para família de chefe de segurança morto em acidente
Segurança

Após 50 dias, Polícia Federal recaptura os dois foragidos de penitenciária federal

Eles fugiram do presídio no dia 14 de fevereiro
Após 50 dias, Polícia Federal recaptura os dois foragidos de penitenciária federal
Economia

Bilionária mais jovem do mundo é herdeira da WEG

Outra herdeira da WEG está no top 10 da lista
Bilionária mais jovem do mundo é herdeira da WEG
Geral

Kate Middleton anuncia estar em quimioterapia, após descobrir câncer

Princesa se submeteu a uma cirurgia abdominal em janeiro
Kate Middleton anuncia estar em quimioterapia, após descobrir câncer
Ver mais de Mundo