INTERNACIONAL

EUA parecem ter concluído que carros europeus são ameaça, diz Merkel

16 Fev 2019 - 12h48Por Monique Heemann

A chanceler alemã, Angela Merkel, afirmou que as autoridades dos Estados Unidos parecem ter concluído que os carros produzidos na Europa são uma ameaça à segurança nacional. Durante a Conferência de Segurança de Munique, na Alemanha, neste sábado, ela defendeu, no entanto, que seu país está "orgulhoso de seus carros, e temos o direito de estar".

A União Europeia (UE) e os EUA têm tentado reduzir as tensões comerciais nos últimos meses, em meio às negociações de um acordo. Merkel afirmou ter "grande esperança" nas conversas, mas acrescentou que "não é inteiramente fácil para mim, como chanceler alemã, ler que aparentemente - eu não isso tenho escrito ainda - o Departamento de Comércio dos EUA diz que carros alemães e europeus são uma ameaça à segurança nacional".

Um relatório do Departamento de Comércio dos EUA, que deve ser divulgado neste domingo, pode concluir que as importações de automóveis representam uma ameaça à segurança nacional. Caso isso aconteça, um prazo de 90 dias será acionado para que o presidente americano, Donald Trump, se decida sobre a imposição de tarifas aos carros de aliados, que ele já ameaçou anunciar, o que inclui a Europa e o Japão.

Merkel apontou que a maior fábrica da montadora alemã BMW está na Carolina do Sul "e se esses carros (...) de repente forem uma ameaça à segurança nacional dos EUA, isso nos assusta". (Com agências internacionais)

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Esportes

Flamengo é campeão brasileiro

Rubro-Negro perde de 2 a 1, mas garante oitavo título da história
Flamengo é campeão brasileiro
Economia

Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões

No ano, o lucro chegou a R$ 2,340 bilhões, avanço de 45% ante o ano anterior
Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões
Economia

Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central

Medida prevê mandatos para dirigentes do órgão
Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central
Economia

Dólar tem pequena queda e fecha a R$ 5,42

Bolsa sobe 0,38% em dia de recuperação
Ver mais de Mundo