INTERNACIONAL

Coreia do Norte estaria reativando plataforma de lançamento

06 Mar 2019 - 03h07Por Associated Press

A Coreia do Norte estaria reativando as instalações que mantinha para o lançamento de foguetes de longo alcance, após tê-las abandonado no ano passado, com a abertura de negociações com os Estados Unidos para a desnuclearização do país. Na semana passada, um encontro de cúpula entre o presidente americano, Donald Trump, e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, realizado no Vietnã, terminou em fracasso.

O jornal JoongAng Ilbo, da Coreia do Sul, informou nesta quarta-feira, 6, que o serviço secreto do país relatou a parlamentares que a plataforma de lançamento de Tongchang-ri estaria sendo reativada. O site 38 North, especializado na cobertura da Coreia do Norte, informou que imagens de satélite indicam que as movimentações no local começaram entre os dias 16 de fevereiro e 2 de março.

Desmontar partes da plataforma estava entre os vários passos que a Coreia do Norte se comprometeu a dar após iniciar o diálogo com os Estados Unidos, do qual a Coreia do Sul também participa. Foi a partir das instalações que o país realizou diversos lançamentos de foguetes nos últimos anos, o que foi interpretado pela comunidade internacional como o desenvolvimento de tecnologia nuclear.

A reportagem do jornal sul-coreano cita como fontes deputados que participaram da reunião com o Serviço Nacional de Inteligência, que ocorreu na terça-feira, 5. O diretor do órgão, Suh Hoon, teria dito aos parlamentares que coberturas e portas estão sendo recolocados nos edifícios da plataforma.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Esportes

Flamengo é campeão brasileiro

Rubro-Negro perde de 2 a 1, mas garante oitavo título da história
Flamengo é campeão brasileiro
Economia

Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões

No ano, o lucro chegou a R$ 2,340 bilhões, avanço de 45% ante o ano anterior
Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões
Economia

Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central

Medida prevê mandatos para dirigentes do órgão
Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central
Economia

Dólar tem pequena queda e fecha a R$ 5,42

Bolsa sobe 0,38% em dia de recuperação
Ver mais de Mundo