INTERNACIONAL

China pede que alívio a sanções seja discutido em conversas EUA-Coreia do Norte

01 Mar 2019 - 11h06

Porta-voz do Ministério de Relações Exteriores da China, Lu Kang afirmou nesta sexta-feira que a possibilidade de suspensão das sanções impostas contra a Coreia do Norte deve ser tratada em "base comum" depois que Washington e Pyongyang não conseguiram chegar a um acordo durante a cúpula no Vietnã, que tinha como objetivo acertar as bases para a desnuclearização da Península Coreana.

Lu Kan disse que, embora os Estados Unidos e a Coreia do Norte tenham apresentado diferentes relatos sobre os motivos de fracasso da cúpula, "ambos os lados acreditam que a suspensão de sanções é um componente importante do processo de desnuclearização". O porta-voz acrescentou que a China saúda a "vontade positiva" expressa pelos dois países.

O presidente americano, Donald Trump, elogiou o presidente da China, Xi Jinping, na quinta-feira por ser "muito útil" com a Coreia do Norte. Trump comentou que Xi disse a ele que "não ama ter um Estado nuclear ao lado da China". Fonte: Associated Press.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

"Ensine seu filho que a polícia não prende criança": Sheila ingressou na PM em 2013

Na reportagem especial do Dia das Mães, as "Mulheres da Segurança" falam das alegrias e desafios da maternidade
"Ensine seu filho que a polícia não prende criança": Sheila ingressou na PM em 2013
Saúde

Diretoria da Anvisa rejeita importação e uso da Sputnik V

Compra da vacina foi solicitada por estados e municípios
Diretoria da Anvisa rejeita importação e uso da Sputnik V
Saúde

Anvisa avalia pedidos de importação da vacina Sputnik V

Reunião extraordinária está marcada para as 18h
Esportes

Eliminatórias da Copa do Mundo serão retomadas em junho, diz Conmebol

Jogos ocorrerão antes de 13 de junho, quando começa a Copa América
Eliminatórias da Copa do Mundo serão retomadas em junho, diz Conmebol
Ver mais de Mundo