Delivery Much
INTERNACIONAL

Caças F-22 dos EUA interceptam bombardeiros russos TU-95 no Alasca

22 Mai 2019 - 19h30

Caças americanos interceptaram seis aviões militares russos no espaço aéreo internacional a oeste do Alasca e os seguiram até deixar a área, informou na terça-feira, 21, o Comando de Defesa Aérea da América do Norte (Norad, sigla em inglês).

A esquadra russa incluía dois bombardeiros estratégicos Tupolev TU-95, que foram interceptados na segunda-feira por dois caças F-22, detalhou o Comando.

Um segundo grupo de dois bombardeiros Tu-95 e dois caças Su-35 também foram interceptados por outro par de caças F-22, indicou.

Um avião de vigilância do grupo Airborne Warning and Control System (AWACS) supervisionou as operações, destacou o Norad, acrescentando que os aviões russos voaram no espaço aéreo internacional a todo momento.

Foram interceptados quando entraram na Zona de Identificação da Defesa Aérea do Alasca, um perímetro que fica fora do espaço aéreo nacional, mas dentro da qual o tráfego aéreo permanece sob vigilância constante para reduzir os tempos de resposta em caso de uma ameaça hostil.

"Nossa capacidade de dissuadir e neutralizar as ameaças contra nossos cidadãos e a infraestrutura vital começa com a detecção e o acompanhamento e a identificação positiva das aeronaves em nosso espaço aéreo", declarou o comandante do Norad, general Terrence O'Shaughnessy.

As Forças Armadas americanas contam com um sistema de radares e satélites que servem para localizar a presença de aviões não identificados no Ártico e permitem determinar o tipo de resposta necessária. (Com agências internacionais)

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Governo do Estado acompanha ato de entrega das vacinas contra a Covid-19 nesta segunda-feira

No domingo (17), os cinco diretores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovaram por unanimidade o uso emergencial da CoronaVac e da vacina de Oxford contra a Covid-19
Governo do Estado acompanha ato de entrega das vacinas contra a Covid-19 nesta segunda-feira
Saúde

Anvisa devolve pedido de uso emergencial da Sputnik

Vacina é fabricada pela Rússia
Saúde

Por unanimidade, Anvisa aprova uso emergencial de vacinas contra covid

Decisão depende de publicação para entrar em vigor
Por unanimidade, Anvisa aprova uso emergencial de vacinas contra covid
Esportes

Final da Libertadores faz CBF mudar jogos de Palmeiras e Santos

Equipes atuariam no Brasileiro um dia após final continental
Ver mais de Mundo