INTERNACIONAL

Bouteflika retira candidatura, adia eleições e anuncia período de transição

12 Mar 2019 - 06h00

O presidente da Argélia, Abdelaziz Bouteflika, desistiu na segunda-feira, 11, de se candidatar à reeleição na votação de abril, que ele adiou para instalar um período de transição. A decisão foi anunciada em meio a uma onda de protestos em todo país e entre rumores sobre seu estado de saúde - o governante de 82 anos esteve internado na Suíça por 15 dias.

Em comunicado lido no principal telejornal noturno do país, Bouteflika anunciou a abertura de um período de transição que permitirá a escolha de um substituto nas urnas. O processo de transição incluirá a convocação de uma conferência nacional e a formação de um governo de união nacional que supervisionará todo o processo. (Com agências internacionais)

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Esportes

Flamengo é campeão brasileiro

Rubro-Negro perde de 2 a 1, mas garante oitavo título da história
Flamengo é campeão brasileiro
Economia

Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões

No ano, o lucro chegou a R$ 2,340 bilhões, avanço de 45% ante o ano anterior
Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões
Economia

Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central

Medida prevê mandatos para dirigentes do órgão
Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central
Economia

Dólar tem pequena queda e fecha a R$ 5,42

Bolsa sobe 0,38% em dia de recuperação
Ver mais de Mundo