Caraguá
Caraguá
INTERNACIONAL

Após ser demitido, homem atira em trabalhadores em fábrica e mata 5 nos EUA

16 Fev 2019 - 12h33

Após ser demitido, Gary Martin, de 45 anos, atirou em trabalhadores dentro de um armazém de fabricação da Henry Pratt Company em Aurora, no estado americano de Illinois, e matou cinco pessoas no fim da tarde de sexta-feira nos Estados Unidos. O atirador foi morto em uma troca de tiros com a polícia. Cinco policiais foram hospitalizados com ferimentos.

De acordo com a chefe de polícia de Aurora, Kristen Ziman, Martin havia acabado de ser demitido da companhia após 15 anos de trabalho. Ela afirmou que ainda não se sabe se entre as vítimas estavam os responsáveis por sua demissão nem se o atirador já portava a arma ao receber a notícia do desligamento.

Além dos cinco mortos, um sexto trabalhador foi levado ao hospital com ferimentos, mas sem apresentar risco de morte. Fonte: Associated Press.

Caraguá

Matérias Relacionadas

Saúde

Aumento de casos de Covid-19 não deve elevar número de óbitos, afirma ministro

Queiroga disse também que, nos próximos 15 dias, serão distribuídos 14 milhões de testes rápidos de antígenos.
Aumento de casos de Covid-19 não deve elevar número de óbitos, afirma ministro
Geral

Incêndio em Nova York deixa 19 mortos, nove deles crianças

Fogo no bairro de Bronx deixou ainda centenas de feridos
Economia

Dólar cai para R$ 5,63, após dados de emprego nos EUA

Bolsa subiu 1,14%, mas fechou semana em baixa
Saúde

Covid-19: reações à vacina em crianças são raras, dizem especialistas

Para pesquisadores, risco de não vacinar supera qualquer reação
Covid-19: reações à vacina em crianças são raras, dizem especialistas
Ver mais de Mundo