Joaçaba Pneus
INTERNACIONAL

Abe aprova plano de defesa com 2 porta-aviões, os primeiros desde a 2ª Guerra

19 Dez 2018 - 04h20

O governo japonês aprovou na terça-feira, 18, um plano de defesa que inclui dois porta-aviões, algo inédito desde o fim da 2ª Guerra. Tóquio justifica a medida pela crescente presença militar da China na região.

Dois navios inicialmente previstos para manobras de helicópteros serão modificados para permitir também as decolagens curtas e pousos verticais de caças. Mas eles não serão porta-aviões com todas as capacidades desse tipo de navio de guerra, já que as aeronaves não permanecerão estacionadas nos navios, segundo o Ministério da Defesa.

O governo do primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, prevê ainda a compra de 147 caças, entre eles 105 jatos F-35A (Stealth).

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022

Compromisso consta em documento final da reunião de líderes do grupo
G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022
Esportes

Brasil abre Copa América com boa vitória sobre a Venezuela

Seleção faz 3 a 0 com gols de Marquinhos, Neymar e Gabriel Barbosa
Brasil abre Copa América com boa vitória sobre a Venezuela
Saúde

Anvisa autoriza vacina da Pfizer para crianças a partir de 12 anos

Estudos foram desenvolvidos fora do Brasil e avaliados pela agência
Anvisa autoriza vacina da Pfizer para crianças a partir de 12 anos
Esportes

Em nota, jogadores da seleção criticam Copa América, mas negam boicote

Texto foi publicado nas redes sociais após vitória contra o Paraguai
Em nota, jogadores da seleção criticam Copa América, mas negam boicote
Ver mais de Mundo