Jaraguá do Sul

Social distribui cestas básicas doadas por cooperativa

Recebem os alimentos, entidades cadastradas durante a Campanha Jaraguá Mais Solidária e que fazem o atendimento a famílias em vulnerabilidade social

16 Jul 2020 - 17h02Por Da Redação
Social distribui cestas básicas doadas por cooperativa - Crédito: Divulgação / PMJS Crédito: Divulgação / PMJS

A Secretaria de Assistência Social e Habitação terminou ontem (15) a distribuição de 250 das 500 cestas básicas doadas pela Cooperativa Cooper (foto), o que corresponde a um total de 8,5 toneladas de alimentos. A outra parte havia sido entregue no dia 17 de junho. Recebem os alimentos, entidades cadastradas durante a Campanha Jaraguá Mais Solidária e que fazem o atendimento a famílias em vulnerabilidade social.

De acordo com a gerente de marketing da cooperativa, Regina Aparecida Eberle, a doação foi uma maneira de colocar em prática um dos princípios do cooperativismo: o interesse com a comunidade em que atua. “Neste momento de pandemia, a Cooper recebeu inúmeras solicitações de doações, mas decidimos canalizar as ações às secretarias de Assistência Social porque são elas que detém um cadastro atualizado com as entidades beneficentes mais necessitadas neste momento”, pondera. A cooperativa doou mais de três mil cestas básicas, que correspondem a cerca de 50 toneladas de alimentos em seis das sete cidades em que está presente. Além de Jaraguá do Sul, Blumenau, Indaial, Rodeio, Timbó e Ibirama. Recentemente, a Cooper instalou uma das 16 filiais em Joinville.   

Na foto, a diretora Administrativa e Técnica de Assistência Social, 
Euci Cristofolini; o secretário de Assistência
Social e Habitação, André de Carvalho Ferreira e o
gerente da filial Centro de Jaraguá do Sul, Jadir Schneider

Muitas das entidades que realizam o atendimento de pessoas em vulnerabilidade no município já receberam mantimentos (4 toneladas) durante a campanha Jaraguá Mais Solidária, realizada nos meses de abril e maio, segundo o secretário de Assistência Social e Habitação, André de Carvalho Ferreira. “Somando as doações, a Prefeitura recebeu mais de 16,5 toneladas de alimentos, repassados às entidades que, neste momento de pandemia, tiveram aumento no atendimento das famílias em situação de vulnerabilidade”, pondera. A rede Condor também doou quatro toneladas de alimentos para a secretaria, no mês passado.

Entidades beneficiadas com a doação Cooper
*SOL Grupo de Solidariedade;
*Associação das Promoções Humanas das Entidades Religiosas Cristãs de Jaraguá do Sul (APHER);
*Mãos Solidárias Jaraguá do Sul;
*Missões Evangélicas Vinde Amados Meus (Mevam);
*Ação Social Adventista;
*Associação de Moradores Boa Vista;

Auxílio-Cidadão - um benefício eventual que conta com recursos municipais

Benefício municipal amparado pela lei 7.870/2019, o Auxílio-Cidadão pode ser solicitado por famílias com até meio salário mínimo de renda per capita, em situações de risco e vulnerabilidade social. Os valores de R$ 94,80 ou R$ 161,16 devem ser utilizados na compra de gêneros alimentícios e produtos de higiene e limpeza, em mercados credenciados. De acordo com o secretário de Assistência Social e Habitação, André de Carvalho Ferreira, o acesso ao auxílio ocorre mediante apresentação de documentos pessoais do requerente e das pessoas que residem com ele. Há a necessidade de comprovação de renda e de moradia em Jaraguá do Sul, por tratar-se de uma benefício municipal.

A avaliação para liberação do benefício é feita por meio de atendimento técnico com assistentes sociais, nos Centros de Referência e Assistência Social (Cras) - abaixo. A gerente de Proteção Social Básica, Bruna Nagel Pauli, informa que, neste momento de pandemia, os agendamentos ocorrem prioritariamente por telefone, evitando que as pessoas saiam de casa desnecessariamente. A solicitação é pelo respeito ao horário agendado, impedindo aglomerações nos equipamentos públicos e o contágio pela Covid-19.

A pandemia de coronavírus que se instalou no país em março, quase duplicou (184%) a liberação do benefício em abril. Os 1.105 vales concedidos em março passaram para 3.147 em abril. As concessões foram menores em maio e junho (2.808 e 2.457, respectivamente), mas ainda são consideradas elevadas em relação a março e mais ainda se comparadas com os mesmos meses dos anos anteriores (confira na tabela).

 

  março

 
abril maio junho
2020 1.105 3.147  (+184%) 2.808 2.457
2019   784    948   963   937
2018   452   494   568   577


O número de famílias beneficiadas pelo Auxílio-Cidadão em junho foi de 2.457, o que representa um aumento de mais de 162% na comparação com o mesmo mês de 2019, quando foram liberados 937 vales. Quando comparado com o mesmo mês de 2018, com 577 liberações, o percentual é de mais de 325%.

A pandemia provocou efeitos sociais e econômicos, com registro de redução de jornadas de trabalho e salários, demissões e redução de vendas e serviços para profissionais autônomos ou liberais, o que explica esse aumento na liberação do benefício”, avalia o secretário.

Centros de Referência e Assistência Social (Cras)
*Cras Ilha da Figueira   
Território: Águas Claras, Boa Vista, Centenário, Ilha da Figueira, Vila Nova;
Telefone: 3372-1470 e 3273-819;
Rua Padre Donato Wiemes, 202, bairro Ilha da Figueira.

*Cras João Pessoa  
Território: João Pessoa, Santa Luzia, Vieira, Vila Lala;
Telefone: 3376-4591 e 3371-5953;
Rua Gilberto de Paula Pimentel, 379, bairro João Pessoa.

*Cras Centro
Território: Água Verde, Barra do Rio Molha, Centro, Czerniewicz, Nova Brasília, Rau, Rio Cerro I, Rio Cerro II, Rio Molha, Três Rios do Sul, Vila Baependi; 
Telefone: 3274-5100 e 3274-5105;
Rua Exp. Cabo Harry Hadlich, 501, centro.

*Cras Ribeirão Cavalo
Território: Braço do Ribeirão Cavalo, Estrada Nova, Nereu Ramos, Ribeirão Cavalo, Tifa Monos;
Telefone: 3376-1183 e 3273-7818;
Rua Belarmino Garcia, s/n, bairro Ribeirão Cavalo.

*Cras Jaraguá 84
Território: Barra do Rio Cerro, Garibaldi, Jaraguá 84, Jaraguá 99, Parque Malwee, Rio da Luz;
Telefone: 3371-0367 e 3273-8195;
Rua Alvino Flor da Silva, 678, bairro Jaraguá 84.

*Cras Vila Lenzi
Território: Chico de Paulo, Jaraguá Esquerdo, São Luís, Tifa Martis, Vila Lenzi;    
Telefone: 3275-8700;
Rua Adão Noroschny, 500 (Dentro do CEU), bairro Vila Lenzi.

*Cras Santo Antônio
Território: Amizade, Santo Antônio, Três Rios do Norte; 
Telefone: 3371-5706 e 3273-7159;
Rua José Vicenzi, 563, bairro Santo Antônio.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região?CLIQUE AQUIe receba diretono seu WhatsApp! 

Matérias Relacionadas

Geral

Com previsão de frio intenso, Prefeitura de Jaraguá monta Plano de Atendimento

As ações iniciam nesta terça-feira (27), com orientações e sensibilização às pessoas em situação de rua, com as equipes da Assistência Social, Saúde, Defesa Civil, Bombeiros Voluntários e Polícia Militar.
Com previsão de frio intenso, Prefeitura de Jaraguá monta Plano de Atendimento
Saúde

Mulher de 21 anos morre vítima de covid em Jaraguá

Foram quatro mortes nas últimas 48 horas no município
Mulher de 21 anos morre vítima de covid em Jaraguá
Geral

Pesquisa vai traçar o perfil da população idosa de Jaraguá do Sul

O diagnostico do idoso já conta com 900 entrevistas e segue até o mês de setembro
Pesquisa vai traçar o perfil da população idosa de Jaraguá do Sul
Saúde

AstraZeneca: Gestantes e puérperas podem tomar D2 de outro imunizante

A preferência é que seja com a Pfizer. Na ausência da vacina deste fabricante, a Coronavac (Sinovac/Butantan) também poderá ser usada como segunda dose
AstraZeneca: Gestantes e puérperas podem tomar D2 de outro imunizante
Ver mais de Jaraguá do Sul