tocha olímpica

Saiba como ficará o trânsito durante a passagem da tocha olímpica

06 Jul 2016 - 09h00

Com isso, antes e durante do revezamento da tocha, no dia 13 de julho, o trânsito terá intervenções onde passarão os condutores da chama. Na maior parte do trajeto haverá retenções ou fechamentos de vias temporários, com liberação gradual após a passagem.


Na cidade, o percurso da tocha iniciará às 9h15, com partida do Centro Cultural da Scar, seguindo as ruas Jorge Czerniewicz, Epitácio Pessoa, Bernardo Grubba, Getúlio Vargas, Marechal Deodoro da Fonseca, João Planincheck, Expedicionário Antônio Carlos Ferreira e Gustavo Hagedorn. A estimativa é de aproximadamente 1h25 de revezamento até chegar a Arena, por volta das 10h40, onde permanece por 15 minutos e segue viagem até São Francisco do Sul. O trajeto será acompanhado por um comboio de 18 veículos.


Segundo Alessandro Martins, diretor da FME e coordenador local do revezamento da tocha, ontem teve mais uma reunião com representantes da FME, da Polícia Militar, Policia Rodoviária Federal e do Setor de trânsito da Prefeitura para definição das medidas tomadas com relação ao trânsito. “Não iremos interromper o transito durante toda a manhã. Definimos que não será fechado todo o percurso durante todo o período do revezamento. As vias serão bloqueadas temporariamente conforme o comboio com os condutores for avançando. Assim que o comboio passar o trânsito será liberado na medida do possível”, esclarece.

Martins chama atenção com relação aos locais de estacionamento. “Na madrugada de terça para quarta-feira serão colocados cones nos lugares onde os veículos não podem estacionar. Amanhecendo o dia na quarta-feira os veículos poderão transitar normalmente nas ruas onde passaram a tocha, mas é proibido estacionar nessas ruas”, enaltece.

Em Jaraguá, serão 35 condutores

Para quem é ligado ao esporte carregar o maior símbolo das Olimpíadas, a tocha olímpica, em um momento único. Em Jaraguá do Sul serão 35 pessoas que irão carregá-la na próxima quarta-feira. Todos os escolhidos foram indicados pela Fundação Municipal de Esportes ou se inscreveram no site dos patrocinadores oficiais. Um deles é o Francisco Alberto Gonçalves de Paula, 37 anos, o Chico, ex-jogador de futsal. “Não esperava ser indicado para carregar a tocha. É emocionante”, afirma. Chico vive na cidade desde os 15 anos. Durante seis anos foi jogador seleção brasileira de futsal. Como atleta do Jaraguá, conquistou mais de 70 títulos, entre eles oito Taça Brasil, quatro títulos da Liga Nacional, nove títulos nos Jasc e 11 no Estadual.


Dos 68 anos de idade, Benhur Rosado Sperotto dedicou 56 anos ao esporte. Idealizador e coordenador do Projeto Evoluir de vôlei, sempre gostou do vôlei e foi nessa modalidade que se especializou em Chapecó. “Estou muito feliz por esse reconhecimento. Terei o maior orgulho de carregar o fogo olímpico. Meus filhos moram nos Estados Unidos. Estão muito orgulhosos. E contam que seus amigos americanos estão vibrando junto e que vão acompanhar a minha participação”. Sperotto chegou a cidade em 2001 e desde então trabalha muito além do incentivo à prática de vôlei. “Queremos fortalecer socialmente essas crianças e afastá-las das drogas”, acrescenta. O projeto envolve mais de 1.500 crianças de escolas públicas de oito a 15 anos.


Outro condutor é Airton Luiz Schiochet, 55 anos. Ito, como é conhecido, é idealizador e coordenador do projeto A Bola da Vez de basquete. Criado em 2001, o projeto trabalha com o treinamento de crianças de oito a 15 anos. “O mais importante é o impacto social que o projeto representa na vida de 1.100 famílias é o que nos faz continuar trabalhando. São aproximadamente 80 crianças em cada uma das 15 escolas públicas atendidas, que praticam basquetebol duas vezes por semana no contraturno e participam de dois encontros anuais. Um deles será realizado aqui na Arena Jaraguá no dia 13 de julho”. Sobre a tocha, revela. “Estou muito orgulhoso. É um reconhecimento por um cidadão que é de Jaraguá e tem uma história no esporte”.


A equipe Rio 2016 divulgou uma lista oficial com alguns nomes dos condutores da tocha em Jaraguá. A lista completa, por orientação da Secretaria Nacional de Segurança Pública, será divulgada apenas na véspera do evento. Entre os nomes já divulgados, estão Alessandro Buozi Martins, Antonio Gerson de Lima, Arthur Murta e Penna, Benhur Rosado Sperotto, Carolina Machado de Oliveira, Cornélia Holzinger Caglioni, Cristiano Amaro da Silva, Dionísio Heller, Elciene Suellen Pereira da Cruz, Eron Diogo Waltrick, Giovani Elias Brugnago, Iolanda Aparecida Legal, Jaciel Zawadski, Janio Carlos Pessanha Coelho, Juliano de Almeida Camacho, Laura Grossl, Lucas Reschke Pavin, Marli Ott, Rodrigo Creado dos Santos, Roger Patrick da Silva, Rosemary Maria Schroeder, Teo Gerhard Meyer, Vanessa Motta Ossak  e Vivian Campos Martins.

Rodrigo Floriani

Matérias Relacionadas

Jaraguá do Sul

Samae abre inscrições para estágio de Química

Para a inscrição, o acadêmico de estar cursando bacharelado em Química e matriculado entre o terceiro e oitavo semestres
Samae abre inscrições para estágio de Química
Política

Em sessão extra, Câmara de Jaraguá aprova recursos para o esporte jaraguaense

Projetos tinham recebido pedido de vista na primeira sessão extra de 2020
Em sessão extra, Câmara de Jaraguá aprova recursos para o esporte jaraguaense
Polícia

Mulher é assaltada e tem celular levado em Jaraguá

A vítima relatou à Polícia Militar que foi abordada por um homem trajando calça jeans, camiseta branca, de manga curta na cor azul, de estatura baixa e pele morena.
Saúde

Jackson de Ávila quer ser o Secretário de Saúde

Jackson disse só precisa de seis meses no cargo para dar resultados como maior celeridade em exames e cirurgias eletivas e de média complexidade
Jackson de Ávila quer ser o Secretário de Saúde
Ver mais de Jaraguá do Sul