dengue
Jaraguá do Sul

Prefeitura prepara credenciamento para atender animais de rua

Credenciamento visa o atendimento não apenas de animais de rua, mas também animais silvestres

21 Fev 2019 - 11h00Por PMJS

A Prefeitura de Jaraguá do Sul está finalizando a documentação necessária ao credenciamento de clínicas veterinárias e organizações não governamentais interessadas no atendimento de animais vítimas de maus-tratos e promover as castrações de cães e gatos no município.

O presidente da Fundação Jaraguaense de Meio Ambiente, Normando Zitta Júnior, explica que esta ação é uma iniciativa do Poder Público, envolvendo a Secretaria Municipal de Saúde e a Fujama, além do Gabinete do Prefeito Antídio Aleixo Lunelli. “Esta é uma demanda muito antiga e estamos perto de solucionar a questão”, antecipa o presidente da Fujama, acrescentando que o Edital de Credenciamento está praticamente finalizado, depois de aproximadamente 18 meses de análise, por meio de um grupo formado por servidores.

A Fundação está responsável pelas questões de maus tratos aos animais e a Secretaria de Saúde, por meio do Controle de Zoonoses, está gerenciando a parte das castrações para evitar a proliferação dos animais de rua. Em 2018, o grupo se reuniu com representantes do Legislativo, onde foi exposta a intenção e que seria destinado recurso financeiro para o programa. Em se tratando das clínicas veterinárias, o credenciamento visa o atendimento não apenas de animais de rua, mas, também, animais silvestres eventualmente resgatados com ferimentos ou doentes.

O assunto vem sendo discutido no município desde 2012, quando ocorreu uma audiência pública entre Poder Público, Ministério Público, Legislativo e representantes das ONGs e clínicas veterinárias. “Na época ficou definido quais seriam as atribuições da Fujama e da Secretaria Municipal de Saúde”, lembra Normando, acrescentando que a Lei Federal 9.605, de 12 de fevereiro de 1998 (http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L9605.htm), dispõe sobre as sanções penais e administrativas derivadas de condutas e atividades lesivas ao meio ambiente.

Já a Lei Estadual Nº. 17.404, de 21 de dezembro de 2017 (http://leis.alesc.sc.gov.br/html/2017/17404_2017_lei_promulgada.html), trata sobre a criação de seção no portal da Delegacia Eletrônica de Polícia Civil para atendimento de ocorrências envolvendo animais.  

Por meio do Edital de Credenciamento, a Fundação Jaraguaense de Meio Ambiente pretende disponibilizar o valor de até R$ 144 mil por um período de 12 meses para os atendimentos prestados pelas clínicas credenciadas. Em relação às castrações, Atualmente, já existe um programa de castrações de animais, que é mantido pela Secretaria Municipal de Saúde e que será incrementado.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp!

Matérias Relacionadas

Segurança

Implementado o Binário da Vila Lenzi

Últimas alterações em sentidos de ruas foram feitas nesta terça-feira (28)
Implementado o Binário da Vila Lenzi
Economia

Bancos não terão atendimento presencial ao público nesta quinta-feira

Agências serão reabertas na sexta
Bancos não terão atendimento presencial ao público nesta quinta-feira
Geral

Jamail Máquinas e Ferramentas completa 45 anos de história

Com sede em Jaraguá do Sul e filial em Massaranduba, a Jamail oferece uma vasta gama de produtos
Jamail Máquinas e Ferramentas completa 45 anos de história
Segurança

(Vídeo) Adolescente bate em carro após bicicleta ficar sem freios, em Jaraguá

Ele foi encaminhado ao Hospital.
(Vídeo) Adolescente bate em carro após bicicleta ficar sem freios, em Jaraguá
Ver mais de Jaraguá do Sul